Em Manaus, debate sobre política termina em violência na UEA

14

Na noite desta sexta-feira (29/4), uma grande confusão aconteceu na Escola Normal Superior (UEA), localizada no cruzamento entre as avenidas Djalma Batista e Darcy Vargas, bairro Chapada, após um ato promovido pela Frente Brasil Popular durante um debate.
O desentendimento começou quando um ativista pró-impeachment, contrário aos pensamentos políticos expostos na reunião, chegou ao local. O homem identificado como Kleber Romão, afirmou que tentou entrar no debate juntamente com seus amigos, porém, os mesmos não foram autorizados.

De acordo com o líder estudantil Yann Evanovick, o evento transcorria tranquilamente, até que surgiu o Kleber, discordando pensamentos expostos na reunião.

Kleber Romão alegou que a instituição de ensino estava virando um palco de uma ação político partidária e que somente tiraria fotos para registrar o fato.

Professores e estudantes foram ao 12º Distrito Integrado de Polícia (DIP) denunciar as agressões sofridas após o término do debate. Todos os envolvidos na confusão estão a caminho do Instituto Médico Legal para realizar exame de corpo de delito.

Imagem de Divulgação
Imagem de Divulgação

 

Comentários

comentários

Loading...