Governo lançará ações de inclusão produtiva quem recebe Bolsa Família

330

Nesta segunda-feira (13/3) o ministro do Desenvolvimento Social e Agrário, Osmar Terra, informou no Rio de Janeiro, que o governo vai lançar, no fim deste mês, um pacote de medidas de inclusão produtiva para os beneficiários do Bolsa Família.

Entre as iniciativas, figura a manutenção do benefício por até dois anos para quem conseguir um emprego com carteira de trabalho assinada.

Inclusão produtiva quem recebe Bolsa Família - Imagem de divulgação
Inclusão produtiva quem recebe Bolsa Família – Imagem de divulgação

Segundo Osmar Terra, essa medida visa a aumentar a formalização do mercado de trabalho. O ministro disse ainda que a pasta ainda está estudando a linha de corte da remuneração para que o beneficiário mantenha o Bolsa Família. “Estamos estabelecendo isso. Em princípio, alguma coisa ao redor de quatro, cinco salários mínimos”, afirmou.

Outra medida do programa será a premiação dos prefeitos que diminuírem a informalidade entre os beneficiários. A ideia é que, no futuro, as famílias que tiverem renda possam sair do Bolsa Família.

O prefeito deverá ganhar um prêmio em recursos para o município e depois um troféu das mãos do presidente da República, como forma de estimular o prefeito. Hoje, ele não tem estímulo nenhum.

O ministro Osmar Terra criticou um estudo do Banco Mundial que defende a expansão do Bolsa Família para evitar o aumento da pobreza durante o período de recessão econômica. Segundo o ministro, o programa atende a cerca de 13,5 milhões de famílias a um custo de R$ 30 bilhões. Ele informou que, no ano passado, foram suspensos 1,5 milhão de benefícios irregulares. Com isso, a fila de espera para receber o benefício foi zerada, explicou.

Curte nosso conteúdo?!

Receba as notícias diretamente no seu e-mail:

COMPARTILHAR

Comentários