História sobre : O Monumento à Abertura dos Portos em Manaus | No Amazonas é Assim

História sobre : O Monumento à Abertura dos Portos em Manaus

Você em algum momento já se questionou sobre o Monumento à Abertura dos Portos? Por que desses objetos? Onde eles foram produzidos? Quem o construiu?, De onde ele veio? O que representa?, O que significa a estátua do cume?, O que sigficam esses anjinhos?, porque 4 continentes e não 5?

Largo São Sebastião foto : Marcus Pessoa

Largo São Sebastião
foto : Marcus Pessoa

O Monumento à Abertura dos Portos fica localizado bem no centro da praça de São Sebastião, de frente para o Teatro Amazonas, esse monumento é comemorativo à Abertura dos Portos e Rios da Amazônia à Navegação Estrangeira, ocorrida em 1866.

Esse monumento não é o original, ou melhor, é mas não é. Explico… O primeiro levantado para comemorar esse acontecimento era somente um obelisco, e foi erguido em 1867, registrando a data do acontecimento histórico.

O primeiro monumento de abertura dos portos.

O primeiro monumento de abertura dos portos.

Para melhor responder à essas perguntas e clarear um pouco os motivos deste monumento, vou me basear em um guia turistico chamado “Caminhando por Manaus”.

Em 1899, com a riqueza advinda da exploração da borracha, ergue-se outro monumento (o atualmente existente) mais imponente e de maior valor artístico, sob a supervisão e criação do artista italiano DOMENICO DE ANGELIS, que na época dedicava-se à decoração do salão nobre do Teatro Amazonas, então em construção.

Domenico de Angelis Foto: Biblioteca Virtual do Amazonas

Domenico de Angelis
Foto: Biblioteca Virtual do Amazonas

Todo o material foi importado da Europa, especialmente da Itália. O granito, por exemplo, foi trazido de Bavena e a frisa, ao meio do monumento, foi fabricado em mármore de Carrara.

Os elementos em bronze, na forma de máscaras no estilo antigo, dispostas na frisa, foram fundidos em Gênova.

Detalhes do Monumento a Abertura dos Portos em Manaus foto : Erika Batista

Detalhes do Monumento a Abertura dos Portos em Manaus
foto : Erika Batista

A estátua, ao cimo do monumento, também em bronze, realizada nos famosos ateliês de Enrico Quatrini, em Roma, é uma alegoria ao comércio.

Monumento de Abertura dos Portos foto : José Hilton Pereira da Silva

Ao lado vê-se uma estátua do deus Mercúrio sentado em uma engrenagem (símbolo da Indústria e Comércio), cercado por três meninas em bronze.

Detalhes Monumento à Abertura dos Portos em Manaus foto : Click Chicao

Detalhes Monumento à Abertura dos Portos em Manaus
foto : Click Chicao

Detalhes Monumento à Abertura dos Portos em Manaus foto : Marcus Pessoa

Detalhes Monumento à Abertura dos Portos em Manaus
foto : Marcus Pessoa

Detalhes Monumento à Abertura dos Portos em Manaus foto : José Hilton

Detalhes Monumento à Abertura dos Portos em Manaus
foto : José Hilton

Inaugurado em 1900, no ano da comemoração do quarto centenário do Brasil, o monumento simboliza os quatro “cantos do mundo” – África, Europa, Ásia e América, cada um representado pela proa de uma embarcação, com um menino sentado.

No barco da África, sentado em uma cabeça que simboliza o Egito, com símbolos também egípicios, um menino segura duas presas de elefante;

Detalhes Monumento à Abertura dos Portos em Manaus - Barco África foto : José Hilton Pereira da Silva

Detalhes Monumento à Abertura dos Portos em Manaus – Barco África
foto : José Hilton Pereira da Silva

o barco da Europa, que exibe uma águia à proa, mostra um menino segurando um globo terrestre;

Detalhes Monumento à Abertura dos Portos em Manaus - Barco Europa foto : José Hilton Pereira da Silva

Detalhes Monumento à Abertura dos Portos em Manaus – Barco Europa
foto : José Hilton Pereira da Silva

o barco asiático mostra o “croissant”, símbolo dos muçulmanos, caracteres antigos gravados à proa e o menino às costas de um leão;

Detalhes Monumento à Abertura dos Portos em Manaus - Barco Ásia foto : José Hilton Pereira da Silva

Detalhes Monumento à Abertura dos Portos em Manaus – Barco Ásia
foto : José Hilton Pereira da Silva

no barco da América encontram-se agrupados elementos decorativos diversos, com o menino à proa e uma serpente enrodilhada na quilha do barco.

Detalhes Monumento à Abertura dos Portos em Manaus - Barco América foto : José Hilton Pereira da Silva

Detalhes Monumento à Abertura dos Portos em Manaus – Barco América
foto : José Hilton Pereira da Silva

O monumento registra a data de XV de Novembro de 1899, em que se comemora a Proclamação da República do Brasil, ressaltando o nome de José Cardoso Ramalho Júnior, na época governador do Estado.

Informações da Inauguração foto : José Hilton Pereira da Silva

Informações da Inauguração
foto : José Hilton Pereira da Silva

Em 1995 a praça foi integralmente recuperada pela Empresa XEROX DO BRASIL.
A maioria das ávores que cercam a praça são Oitis (“Licania tomentosa”) e Viuvinhas (“Petrea volubilis schauer”). O piso cin desenhos sinuosos que posteriormente teriam inspirado as calçadas de Copacabana, na cidade do Rio de Janeiro, simboliza o encontro das águas dos rios Negro e Solimões.

Monumento à Abertura dos Portos no Largo São Sebastião foto : Marcus Pessoa

Monumento à Abertura dos Portos no Largo São Sebastião
foto : Marcus Pessoa

 

 

Mércurio, o deus do comércio foto : Marcus Pessoa

Mércurio, o deus do comércio
foto : Marcus Pessoa

Receba nossas atualizações no seu e-mail:


Passa o pano nesses

9 Comments

  1. Keliton
    14 de maio de 2013 at 5:52 pm

    Não foi explicado o porquê de o monumento só apresentar 4 continentes e não 5. E também a data que aparece em algarismos romanos MDCCCXCIX é 1899 e não 1889 como está na matéria.

  2. Keliton
    14 de maio de 2013 at 5:55 pm

    Ah! Mas parabéns pelas informações. Foi bom saber os detalhes desse monumento. Passei por ele tantas vezes, ficava admirando, mas sem entender o contexto. Agora, com as informações, ficou melhor.

  3. Manoel Silva
    7 de outubro de 2013 at 6:33 pm

    não entendi porque europa foi escrito com v

    • Samantha Araujo
      25 de junho de 2014 at 5:47 pm

      antigamente as escritas o v lia-se como u, no latim tbm era comun

  4. Manoel Silva
    7 de outubro de 2013 at 6:33 pm

    não entendi porque europa foi escrito com v

  5. Ane Guedes
    20 de outubro de 2013 at 11:49 am

    Gostei de cada monumento! 😉

  6. Annie Bustamante Guedes
    20 de outubro de 2013 at 11:49 am

    Gostei de cada monumento! 😉

  7. Jovana Lucena
    24 de junho de 2014 at 12:14 pm

    Excelente!

  8. Gisele Silvestre
    20 de dezembro de 2014 at 3:43 pm

    Sabe dizer porque o nome Europa no monumento tem um "V" no lugar do "U"??

Leave A Comment

You must be logged in to post a comment.