Presa suspeita de matar e concretar a própria irmã

241

Suspeita de matar e concretar a própria irmã em Santa Helena no oeste do Paraná, Janete Boeni, 46 anos foi presa na quarta-feira (14/12) em Santa Catarina.

A mulher foi detida após se envolver em um acidente de trânsito em Penha (SC), na noite de quarta-feira (14/12). A Justiça do Paraná já havia expedido um mandado de prisão temporária contra ela e estava aguardando o cumprimento.

Janete Boeni é irmão de Ladis Boeni, de 52 anos, que foi encontrada morta na quarta-feira (7/12) nos fundos da casa onde morava. Ládis, que era professora em uma creche da cidade, estava desaparecida desde ao menos o dia 2 de dezembro, quando, segundo a polícia, foi vista pela última vez por vizinhos.

Foto no Facebook da acusada mostra as duas irmãs juntas: Ladis, à esquerda e Janete, à direita.
Foto no Facebook da acusada mostra as duas irmãs juntas: Ladis, à esquerda e Janete, à direita.

O corpo, que tinha marcas de facada, foi achado sob uma camada de concreto por um sobrinho que cuidava da casa.
A suspeita foi levada para o Presídio Regional de Itajaí e, de acordo com o delegado de Santa Helena, Ezequias de Barbosa Cavalcanti Filho, deve ser transferida para o Paraná até esta quinta-feira (15). Além da autoria, a polícia investiga os motivos do crime.

O corpo da Ladis Boeni, de 52 anos, estava coberto por concreto Foto: Catve
O corpo da Ladis Boeni, de 52 anos, estava coberto por concreto Foto: Catve

 

Comentários com Facebook

Curte nosso conteúdo?!

Receba as notícias diretamente no seu e-mail: