101 coisas pra fazer no Amazonas

7418

Esta pensando em visitar esse fim de mundo e está com medo de não saber o que fazer no meio de tanto rio e floresta? Listamos aqui uma penca de coisas para serem feitas durante a sua viagem! Algumas delas são em momentos específicos, outras porém, estão disponíveis em qualquer época do ano!!

Começamos uma pequena lista de 101 coisas para fazer no Amazonas que poderia muito bem ser uma lista de 1001 coisas! Antes de tudo, saiba que é muito,mas  MUITO  importante mesmo você aprender a falar amazonês !

101 coisas pra fazer no Amazonas
101 coisas pra fazer no Amazonas
Loading...

Aproveite e se una com os nossos curtidores da fanpage No Amazonas é Assim, e vá pegando os bizus. Muitas das dicas dessa lista abaixo foram dadas por eles! Sem mais embromation aqui estão 101 coisas pra se fazer no Amazonas

  1. Almoçar em um restaurante flutuante
  2. Apreciar a hospitalidade de Boa Vista do Ramos
  3. Assistir aos shows de artistas amazonenses no Tacacá na Bossa (toda quarta na Praça São Sebastião).
  4. Comer farofa de Piracuí
  5. Comer jaraqui frito em Manaquiri.
  6. Comer o tradicional quebra-queixo na Eduardo Ribeiro em frente a Riachuelo.
  7. Comer pacú frito com baião de dois
  8. Comprar roupas lá no bate palma !
  9. Conhecer a Cachoeira da Asframa
  10. Conhecer a Cachoeira da Neblina
  11. Conhecer a Cachoeira da Onça
  12. Conhecer a Cachoeira da Pedra Furada
  13. Conhecer a Cachoeira das Orquídeas
  14. Conhecer a Cachoeira do Arco
  15. Conhecer a Cachoeira do Leão no km 34 AM 010
  16. Conhecer a Casa de Eduardo Ribeiro em Manaus
  17. Conhecer a casa de Thiago de Mello em Barreirinha
  18. Conhecer a Gruta da Judéia
  19. Conhecer a Gruta da Onça
  20. Conhecer a Gruta do Raio
  21. Conhecer a Praia da Lua
  22. Conhecer a Praia de Açutuba
  23. Conhecer a Praia de Paricatuba
  24. Conhecer a Praia do Jacaré
  25. Conhecer a Praia do Japonês.
  26. Conhecer a Praia do Tupé
  27. Conhecer a Praia Grande
  28. Conhecer as Cachoeiras de Presidente Figueiredo
  29. Conhecer as Praias de Barcelos
  30. Conhecer o Bosque da Ciência
  31. Conhecer o espelho da Lua ouvindo a lenda das Icamiabas em Nhamundá
  32. Conhecer o Mercado Adolpho Lisboa e a Manaus Moderna
  33. Conhecer o Palacete Provincial em Manaus
  34. Conhecer o Paredão das Lajes
  35. Descer a cachoeira do Buburí.
  36. Escalar o Pico da Neblina
  37. Experimentar pupunha, pitanga e biribá
  38. Experimentar tacacá, com muito camarão e tucupi
  39. Experimentar os peixes de água doce assados, principalmente tambaqui e matrinxã
  40. Experimentar Tapioca com Queijo e Tucumã
  41. Experimentar um suco de cupuaçu
  42. Experimentar um x-caboquinho
  43. Ir na feira da Eduardo Ribeiro e conhecer alguns artesanatos da região.
  44. Ir na pescaria e tirar foto segurando o tucunaré ou um tambaqui
  45. Ir no Clube Municipal (Mumu)
  46. Ir no Porão do Alemão
  47. Ir no Remanso do Boto
  48. Ir o Rêmulos Club
  49. Visitar o Museu do Seringal Vila Paraíso
  50. Nadar com os botos em Novo Airão
  51. Participar da Festa cultural do Açaí em Codajás
  52. Participar da Festa da Melância em Iranduba
  53. Participar da Festa da Castanha em Tefé
  54. Participar da Festa da laranja em Rio Preto da Eva
  55. Participar da Festa de Nossa Senhora do Carmo em Parintins
  56. Participar da Festa do Cacau em Urucurituba
  57. Participar da Festa do cupuaçu em Presidente Figueiredo
  58. Participar da Festa do Divino em Alvarães e Uarini
  59. Participar da Festa do Gás Natural em Coari
  60. Participar da Festa do Guaraná em Maués
  61. Participar da Festa do Tucunaré em São Sebastião do Uatumã
  62. Participar do Carnaval de Humaitá
  63. Participar do Festival Da Música de Itacoatiara
  64. Participar do Festival de Cirandas em Manacapuru
  65. Participar do Festival do bodó com farinha
  66. Participar do Festival de Verão em Maués
  67. Participar do Festival do Cará em Caapiranga
  68. Participar do Festival do Leite em Autazes
  69. Participar do Festival do Peixe Ornamental de Barcelos
  70. Participar do Festival Folclórico do Boi Bumbá em Parintins
  71. Participar do Festival Internacional de Cinema
  72. Participar do Festival Internacional de Jazz
  73. Participar do Festival Internacional de Ópera
  74. Participar de festa de Santo Antônio em Borba
  75. Pedalar pela cidade, principalmente nas comunidades tradicionais que só usam bicicleta
  76. Se hospedar no Ariaú!
  77. Tirar foto segurando jacaré, cobra e bicho preguiça
  78. Tomar sorvete de tapioca
  79. Tomar um delicioso café da manhã regional em Rio Preto da Eva
  80. Visitar A Pedra Pintada em Itacoatiara
  81. Visitar a Ponta Negra em Manaus
  82. Visitar a Reserva Adolpho Ducke
  83. Visitar a Serra do Aracá
  84. Visitar aos índios dessanas tucanas próximo a Praia do Tupé
  85. Visitar as Grutas de Madada
  86. Visitar as Ruínas de Paricatuba em Iranduba
  87. Visitar ilha da Marchantaria!! Principalmente quem tem interesse em plantas aquáticas!!
  88. Visitar o Airão Velho
  89. Visitar o Bosque da Ciência do INPA
  90. Visitar o Casa do Pensador
  91. Visitar o cemitério São João Batista, uma raridade por aceitar e respeitar judeus e muçulmanos
  92. Visitar o Encontro das Águas em Manaus
  93. Visitar o Estádio de futebol de Manaus a Arena da Amazônia
  94. Visitar o Janauri
  95. Visitar o Mindu
  96. Visitar o Palácio Rio Negro
  97. Visitar o Parque Nacional Jaú
  98. Visitar o Teatro Amazonas em Manaus
  99. Visitar o Zoológico do CIGS
  100. Visitar os Arquipélagos de Anavilhanas em Novo Airão
  101. Visitar em São Gabriel da Cachoeira o monte da Bela Adormecida

Comentários

comentários

COMPARTILHAR
AnteriorComo surgiu o Encontro das Águas
PróximoO lado tenebroso da Belle Époque Baré
Divulgamos em nosso site conteúdos ricos de textos, fotos e vídeos sobre temas amazônicos, nossas belezas naturais, nossa cultura ribeirinha, às vezes notícias frutos de estudos e artigos científicos, além dos já conhecidos assuntos meramente cômicos, notícias, fotos, tirinhas, passatempos e vídeos engraçados; sempre com uma linguagem bem humorada – como pensamos que deve ser o verdadeiro entretenimento.