3 da manhã – A hora morta – O mais tenebroso momento da madrugada

Existe um estudo sobre um certo momento da madrugada que chama a atenção, passa-se entre as 3:00 e 3:59 da manhã. Por algum motivo diversas pessoas com depressão acordam essa hora e se sentem muito mais tristes que o normal. Assim como há muitas pessoas que não tem depressão mas que despertam e só conseguem voltar a adormecer depois das 4:00. Uma das hipóteses para isso é que esse é o auge da madrugada e que a frequência energética das pessoas fica muito baixa nesse momento, até mesmo a de batimentos do coração, e graças a isso há esse efeito.

No entanto para aqueles do meio místico de diversas crenças, existe uma outra explicação para isso, essa é a chamada Hora Morta. A hora morta trata-se do momento em que portais para outro mundo são abertos e espíritos ficam com uma influência muito maior sobre a terra, deixando assim um momento perfeito para muitos serem atormentados, tendo pesadelos ou mesmo vendo vultos, ouvindo vozes ou até vendo aparições perfeitas de espíritos.

Muitos daqueles que fazem trabalhos para oferecer a espíritos, usam a meia noite para isso, mas há quem prefira as 3 da madrugada para aproveitar a hora morta e ter uma ligação direta com entidades. E também há aqueles que usam a hora morta como o momento máximo para terminarem de fazer seus rituais começados a meia noite pois se o galo cantar, será arruinado.

Uma das explicações é que existe um fuso horário onde diversos espíritos voam constantemente, ele fica do lado negro da terra e de acordo com o que ela gira, esse fuso horário cheio de espíritos passa por cima do lugar. É o momento em que as pessoas estão em seu sono mais profundo e também mais vulneráveis.

Existem diversos relatos de pessoas que acordam durante a hora morta e vão ao banheiro ou beber água, e é quando veem algo. Por isso se você acordar nesse horário, pode ser que você seja apenas o seu corpo reagindo à baixa frequência energética, ou pode ser algo pior…

Esse horário é também muitíssimo citado em obras variadas, desde livros até o cinema, por exemplo ele é comentado no filme de terror O Exorcismo de Emily Rose, mas se estende para diversas outras obras da cultura pop e é algo que acabou se tornando realmente bastante falado e temido, portanto você acha por aí vez ou outra alguém falando do horário.

Quer saber mais sobre espíritos? O autor Allan Kardec explica detalhadamente isso em “O livro dos espíritos” de 1857 que foi lançado em diversas versões através dos séculos, a obra pode dar arrepios em muita gente com seu conteúdo, mas também tem muito conhecimento interessante.

Comentários