Home Notícias Amazonas Aleam antecipa pauta da próxima semana com oito Projetos de Lei e cinco vetos do governo

Aleam antecipa pauta da próxima semana com oito Projetos de Lei e cinco vetos do governo

4 min - tempo de leitura
15

 

A Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) vai colocar em votação, na próxima semana, 13 proposituras sendo oito dos deputados estaduais e cinco são vetos totais e parciais enviados pelo Governo do Estado, a Projetos de Lei já aprovados em plenário.
De acordo com a pauta divulgada antecipadamente nesta sexta-feira (16), vão para votação o PL 110/2019, do deputado Roberto Cidade (PV), que prevê que as mulheres vítimas de violência sejam atendidas por policiais femininas nas delegacias do Estado e o PL nº 4/2019, da deputada Alessandra Campêlo (MDB) cria no âmbito da Assembleia Legislativa e Frente Parlamentar em Defesa do Comércio e da Indústria do Amazonas.

Dois projetos concedem a Medalha Ruy Araújo – a maior comenda do Poder Legislativo – a personalidades locais. O PL nº 57/2019, dos deputados Josué Neto (PRTB), Alessandra Campêlo, Joana Darc (PL) e professora Therezinha Ruiz (PSDB), concede a Medalha Ruy Araújo à ex-procuradora geral do Ministério Público Estadual, Leda Mara Nascimento Albuquerque e o PL nº 28/2020, do deputado Ricardo Nicolau (PSD) concede a comenda, in memoriam, senhor Muhammad Tarayra.

De autoria do presidente Josué Neto, o PL nº 52/2020 concede o título de Cidadão do Amazonas ao Engenheiro Agrônomo Malvino Salvador; O PL nº 254/2020, do deputado João Luiz declara como patrimônio Cultural de natureza Imaterial o Cultivo de Abacaxi na localidade de Novo Remanso (Itacoatiara); o PL nº 366/2020, do deputado Ricardo Nicolau declara de Utilidade Pública a Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) e o PL nº 375/2020, da deputada Joana Darc cria o Dia Estadual do Musicoterapeuta.

Cinco vetos

Constam também na pauta da próxima semana, quatro vetos totais e um parcial do governador Wilson Lima a Projetos de Lei já aprovados em plenário pelos deputados estaduais.

O governo vetou totalmente o Projeto de Lei nº. 178/2020, do deputado Saullo Vianna (PTB), que indicava ações emergenciais ao setor cultural, durante a vigência das medidas de isolamento ou quarentena; o Projeto de Lei nº. 300/2020, de autoria dos membros da CPI da Saúde, que proibiu a contratação de cônjuge, companheiro, ou qualquer parente consanguíneo ou afim, em linha reta, até o segundo grau, de Secretário de Estado do Amazonas, como prestador de serviços e/ou produtos; o PL nº 500/2019, do deputado Adjuto Afonso (PDT) que incentiva o fomento à criação de polos de ecoturismo no Estado do Amazonas e o PL nº 516/2019, do deputado Felipe Souza (Patriota), que propôs a criação do aplicativo para smartphones e tablets ‘Guia Turístico Virtual – Conheça o Amazonas.
Recebeu veto parcial do governo o PL nº 290/2019, do deputado Wilker Barreto (Podemos), que sugeriu a criação da Política Estadual de Prevenção, Combate e Erradicação das doenças transmitidas pelo mosquito Aedes Aegypti no Estado do Amazonas.

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Marcus Pessoa
Carregar Mais Em Amazonas

Deixe uma resposta

Leia Também

David garante que Manaus terá o apoio da bancada do Congresso

O prefeito eleito de Manaus, David Almeida (Avante), revelou agora há pouco, durante entre…