ALEAM desaprova PEC que igualaria a expulsão de praças a de oficiais da PM-AM

18

Na manhã desta quarta-feira (19/12) a Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas, durante votação, desaprovou a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que igualaria o parâmetro de expulsão de praças ao dos oficiais da Polícia Militar do Amazonas (PM-AM).

ALEAM desaprova PEC que igualaria a expulsão de praças ao de oficiais da PM-AM - Imagem: Aleam
ALEAM desaprova PEC que igualaria a expulsão de praças ao de oficiais da PM-AM – Imagem: Aleam

De autoria do deputado estadual Cabo Maciel (PR), PEC diz que a expulsão de praças também deveria ser ato do governador do estado, pois atualmente o estatuto prevê que os praças só podem ser expulsos por ato do comandante da PM-AM e os oficiais por ato do governador.

A PEC precisava de 15 votos para ser aprovado, mas foram 13 votos a favor e 9 contra e duas abstenções.

Votaram a favor:

Abdala Fraxe (Podemos), Alessandra Campelo (PMDB), Augusto Ferraz (DEM), Cabo Maciel (PR), David Almeida (PSD), Donmarques Mendonça (PSDB), Francisco Souza (Podemos), José Ricardo (PT), Luiz Castro (Rede), Platiny Soares (DEM), Ricardo Nicolau (SIM), Sabá Reis (PR), Serafim Corrêa (PSB).

Votaram contra:

Adjuto Afonso (PDT), Belarmino Lins (DEM), Carlos Alberto (PRB), Dermilson Chagas (PEN), Dr Gomes (PSD), Mário Bastos (PSDB), Orlando Cidade (Podemos), Vicente Lopes (PMDB) e Wanderley Dallas (PMDB).

Se abstiveram na votação:

Josué Neto (PSD) e Sinésio Campos (PT)

Comentários