Alerta meteorológico foi emitido antes do vendaval que atingiu Manaus

11

No inicio da tarde desta quinta-feira (18/02), em Manaus, um vendaval causou muitas ocorrências e o interdição temporária da Ponte Rio Negro.

De acordo com o Serviço de Proteção da Amazônia (Sipam), os ventos chegaram a atingir 66 km/h às 13h, no medidor localizado na av. Eduardo Ribeiro, Centro. Na sede do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), na av. Mário Ypiranda, Adrianópolis, foram registrados ventos de 61 km/h, às 13h. E no Aeroporto Ponta Pelada, Educandos, os ventos chegaram a 55 km/h, às 12h45.

Foi emitido um alerta meteorológico antes do vendaval, que foi confirmado por um conjunto de órgãos, e das imagens de radar e satélite, que demonstrava uma linha de instabilidade vindo em direção a Manaus, a previsão era de rajadas de vento de até 55 km/h.

O alerta, emitido pelo Sipam, Rede de Meteorologia da Aeronáutica (Redemet), Casa Militar, Sepdec, Divisão de Resposta da Defesa Civil (Diresp) e Central 199, informava que o vendaval seria sentido entre 12h e 14h desta quinta, e também antecipava que a instabilidade poderia provocar pancadas de chuva forte acompanhada de trovoadas, descargas elétricas e rajadas de vento.

Loading...

A partir do alerta a Ponte Rio Negro, que liga Manaus ao município de Iranduba, ficou fechada por cerca de 20 a 30 minutos, e após o fenômeno foi liberada.

Imagem de Divulgação
Imagem de Divulgação

Comentários

comentários