Almir Guineto morre aos 70 anos

69

Nesta sexta-feira (5/5), o sambista Almir Guineto morreu, aos 70 anos, no Rio de Janeiro. O músico não resistiu a complicações de problemas renais crônicos e da diabetes.

A família do cantor agradeceu pelas orações e o carinho de todos os fãs e admiradores através de uma rede social.

Almir Guineto morre, aos 70 anos
Almir Guineto morre, aos 70 anos
Loading...

As informações sobre o velório e o sepultamento não foram divulgadas.

Almir Guineto fez parte do grupo de compositores do bloco Cacique de Ramos. Ao lado de grandes nomes do samba, inovou ao introduzir o banjo adaptado com um braço de cavaquinho. A criação foi adotada por diversos grupos.

No início dos anos 1980, após passagem por São Paulo, ajudou a fundar o grupo Fundo de Quintal, ao lado de Bira, Jorge Aragão, Neoci, Sereno, Sombrinha e Ubirany. Após o lançamento do disco de estreia, “Samba é no Fundo de Quintal”, o músico se lançou na carreira solo.

Guineto é o autor de clássicos como “Caxambu”, “Meiguice Descarada” e “Conselho”.

Comentários

comentários

Curte nosso conteúdo?!

Receba as notícias diretamente no seu e-mail: