Após articulação de Josué Neto, Aleam aprova reajuste e benefícios aos professores

291

Ap√≥s duas semanas intermediando negocia√ß√Ķes entre Governo e professores, a Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) aprovou, por unanimidade, o projeto que prev√™ o reajuste salarial e atende reivindica√ß√Ķes dos professores da Rede Estadual de ensino.

Durante a votação representantes da categoria, fizeram agradecimentos ao presidente do Parlamento, Josué Neto, e demais deputados, por abraçar a causa dos professores.

Após articulação de Josué Neto, Aleam aprova reajuste e benefícios aos professores РImagem: Divulgação

‚ÄúParabenizo o desafio que essa Casa (Assembleia) aceitou na pessoa do presidente em estar abrindo a negocia√ß√£o fechada pelo Executivo‚ÄĚ, disse a presidente do Sinteam (Sindicato dos Trabalhadores em Educa√ß√£o do Estado do Amazonas), Ana Cristina Rodrigues. Segundo ela, uma reuni√£o ser√° realizada na sexta-feira (24) para decidir sobre o fim da greve.

‚ÄúForam duas semanas de di√°logo e quero aqui agradecer os professores, o secret√°rio de Fazenda Alex Del Giglio e principalmente os deputados, a deputada Therezinha Ruiz, que contribu√≠ram de alguma forma para chegarmos a esse resultado hoje. √Č uma alegria saber que esta Casa p√īde contribuir, n√£o s√≥ com conquistas para os professores, mas com melhorias para as crian√ßas e jovens da rede de ensino do Estado do Amazonas‚ÄĚ afirmou o presidente.

Josu√© Neto informou que as reivindica√ß√Ķes n√£o contempladas no PL foram inclu√≠das em um termo de acordo para que sejam avaliadas no Comit√™ e, se poss√≠vel, at√© inclu√≠das no or√ßamento de 2020. O presidente ressaltou que os professores ir√£o decidir se essas provid√™ncias s√£o suficientes para por fim a greve que j√° dura 40 dias.

‚ÄúMuitos t√™m nos perguntado se a greve vai acabar. Quem √© respons√°vel pela paralisa√ß√£o da greve s√£o os professores. Os professores que v√£o decidir se a greve acaba ou n√£o. Mas a Assembleia fez o poss√≠vel e o imposs√≠vel pra que a gente chegasse a um resultado na data de hoje‚ÄĚ, afirmou Josu√©.

A mat√©ria foi aprovada com a inclus√£o de tr√™s emendas. A primeira trata sobre os percentuais de gratifica√ß√£o das progress√Ķes verticais dos 1,7 mil professores aptos a receber na propor√ß√£o de 12% (especialistas), 50% (mestres) e 55% (doutores); a segunda emenda aumenta de R$ 30 para R$ 80 o Aux√≠lio Localidade para os profissionais que moram nos munic√≠pios sede e R$ 120 para os que residem mais distantes da sede dos munic√≠pios e a terceira altera o valor do Aux√≠lio Alimenta√ß√£o de R$ 420 para R$ 450.

 

Coment√°rios