Aumento de 90 casos de sarampo confirmados são registrados em uma semana, em Manaus

111

Subiu para 852 o número de casos confirmados de sarampo em Manaus no período de uma semana, segundo 25º Informativo Epidemiológico de Monitoramento dos Casos de Sarampo da Secretaria Municipal de Saúde, divulgado na última segunda-feira (27). São 90 casos a mais do que há uma semana.

Aumento de 90 casos de sarampo confirmados são registrados em uma semana, em Manaus - Imagem: Divulgação
Aumento de 90 casos de sarampo confirmados são registrados em uma semana, em Manaus – Imagem: Divulgação

A capital amazonense está em situação de emergência em virtude dos casos de sarampo. Em todo o Amazonas, três mortes pela doença foram confirmadas. De acordo com os dados, os casos suspeitos, que estão em investigação aguardando resultado laboratorial, chegam a 5.773.

O Informativo Epidemiológico destaca também que as ações de imunização contra o sarampo deste ano já registraram a aplicação de 204.837 doses na campanha direcionada para crianças de seis meses até cinco anos, atingindo 106,9% da meta. A Semsa também contabilizou 409.678 doses aplicadas em ações de rotina nas Unidades de Saúde, de intensificação, varredura e bloqueio vacina, o que inclui a aplicação de primeira e segunda dose de vacina, segundo as recomendações do Ministério da Saúde por faixa etária.

Ao todo, 44,7% dos casos confirmados estão na faixa etária de até cinco anos, seguido da faixa etária de 15 a 29 anos (33,1 %). Entre todas as 6.958 notificações, que englobam também os novos casos suspeitos e ainda em investigação, a faixa etária de 15 a 29 anos é a mais atingida, representando 50,3%, seguida da faixa etária de 30 a 49 anos (15,6%) e menores de um ano (13,9%).

A zona Norte de Manaus continua a registrar o maior número de notificações, com 37,1% do total. Em seguida, a zona Leste apresenta 33,1%, zona Sul tem 15,9%, zona Oeste com 12,6% e zona Rural 1,3%.

Vacinação
A vacinação é direcionada para pessoas na faixa etária de seis meses a 49 anos. A lista com o endereço das 183 salas de vacina da rede municipal. Confira aqui as salas de vacinação disponíveis.

Quem NÃO pode vacinar?
Gestantes, casos suspeitos de sarampo, crianças menores de seis meses de idade e pessoas imunocomprometidas (com doenças que abalam fortemente o sistema imune).

Mortes por sarampo
No dia 17 de agosto, a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM) confirmou a terceira morte por sarampo no Amazonas. A vítima era um bebê de seis meses, que morava na capital amazonense.

O bebê foi internado no dia 29 de junho, no Hospital Plantão Araújo, Zona Leste de Manaus. Após complicações da doença, morreu no último dia 5 de agosto. Antes dele, outros dois óbitos pela doença haviam sido confirmados, ambos bebês de sete meses, sendo um de Manaus e outro de Autazes.

Por assessoria

Comentários

Receba nossas atualizações em seu e-mail: