Banhista é atacado por jacaré em rio e tem braço dilacerado

3

No domingo (21/02), um banhista de 51 anos foi atacado por um jacaré enquanto nadava no Rio Guaporé, em Pontes e Lacerda, a 483 km de Cuiabá. Segundo o Corpo de Bombeiros, José Robermar de Almeida teve o braço direito dilacerado ao ser atacado pelo animal. Ele estava consciente quando foi socorrido e encaminhado para um hospital da cidade.

O ataque de jacaré ocorreu em um balneário na BR-174, conhecido como ‘Beira Rio’. O local é frequentando por banhistas, principalmente aos finais de semana. Mais de 100 pessoas estariam no balneário no momento em que José foi atacado pelo animal.

Banhistas relataram aos bombeiros que viram o jacaré, no entanto, o animal não foi encontrado depois do ataque, informaram também que o banhista nadava perto de um ninho de jacarés, de onde teria se aproximado demais. Os bombeiros acreditam que o jacaré atacou por se sentir ameaçado pelo banhista.

O local onde a vítima nadava possui uma placa para possíveis ataques de peixe-elétrico. Os bombeiros não têm conhecimento de outros ataques de jacarés nesse rio.

Loading...

José Robermar é natural do Rio Branco, do Acre, e trabalha em Pontes em Lacerda como funileiro. Inicialmente o banhista foi levado para a Santa Casa de Misericórdia de Pontes e Lacerda. Porém, teve que ser transferido para o Hospital Regional de Cáceres, a 220 km de Cuiabá. O estado dele é considerado estável.

Foto: Divulgação/PM
Foto: Divulgação/PM

Comentários

comentários

Curta nossa página do Facebook