Home Notícias Amazonas Bebê morre em hospital após médico esquecer de vírgula em receita médica

Bebê morre em hospital após médico esquecer de vírgula em receita médica

3 min - tempo de leitura
171

No último domingo (8) um bebê de 10 meses morreu no Hospital Público de Santo Antônio do Içá, município a 881 km de Manaus, após o médico, Diedre Henrique Arce Foster, sem registro no Conselho Regional de Medicina ter prescrito para o bebê uma dosagem 10 vezes maior de um medicamento para alergia.

Bebê morre em hospital após médico esquecer de vírgula em receita médica - Imagem: Divulgação
Bebê morre em hospital após médico esquecer de vírgula em receita médica – Imagem: Divulgação

O bebê Henzo Matheus Pinto Elias deu entrada no Hospital de Santo Antônio do Içá com quadro de febre e vômito, ele foi atendido pelo médico Diedre na unidade de saúde que receitou o uso de dipirona e 25 miligramas de prometazina – medicamento usado para combater reações alérgicas. De acordo com informações da família, depois que a medicação foi aplicada, o pai do bebê foi chamado pelo médico, que corrigiu a receita para 2,5 miligramas do medicamento. O quadro clínico do bebê piorou, que chegou a ser transferido para o Hospital do Exército no dia 4 de julho, mas não resistiu e morreu na tarde do domingo (8).

Na certidão de óbito da criança consta que a causa da morte foi edema cerebral e hemorragia intracraniana. O Ministério Público do Amazonas (MPE-AM) investigará o caso por crimes de negligência, exercício ilegal da medicina e até crime de homicídio.

O médico, sem registro no Conselho Regional de Medicina, foi exonerado em fevereiro deste ano pela Prefeitura de Santo Antônio do Içá após determinação do Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM). Mas o médico continuava atendendo os pacientes mesmo estando afastado do cargo.

A prefeitura do município emitiu nota afirmando que o médico cirutgião Diedre Henrique Arce Foster, “por saber da enorme demanda no Hospital Dom Alberto Marzi, estava fazendo trabalho voluntário por 10 dias, estando com a sua viagem de saída do município marcada e agendada.”

O médico tem diploma de medicina da Bolívia, mas não possui validação para atuar no Amazonas. Segundo o TCE-AM, ele não tem inscrição no Conselho Regional de Medicina ou vinculação ao “Programa Mais Médicos”, do Governo Federal.

Bebê morre em hospital após médico esquecer de vírgula em receita médica - Imagem: Divulgação
Bebê morre em hospital após médico esquecer de vírgula em receita médica – Imagem: Divulgação

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por No Amazonas é Assim
Carregar Mais Em Amazonas

Deixe uma resposta

Leia Também

Lucro de motoristas de App pode aumentar em R$ 1.400 com Gás Natural, diz Josué

Nesta terça-feira ( 27/10), o presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), de…