Candidatos do PT foram os segundos mais votado em Manaus na Eleição Suplementar no primeiro turno

216

O deputado estadual José Ricardo Wendling  do Partido dos Trabalhadores (PT), que já havia chego em 4º colocado nas eleições de 2016 para a Prefeitura de Manaus, chegou também em 4º colocado para a Eleição Suplementar 2017 que decide a vaga para o Governo do Amazonas junto com o seu vice Sinésio Campos (PT).

O Zé13, como vem sendo chamado, obteve com 100% das urnas apuradas em Manaus, a segunda colocação, com 18,32% dos votos da capital. O que fez com que ele fosse o segundo mais votado.

Em números absolutos, são 152,8 mil votos para o parlamentar petista, contra 150,1 mil (17.97%) de Eduardo Braga e 141 mil de Rebecca (16.86%). A votação de José Ricardo foi mais expressiva que a registrada na eleição para prefeito, no ano passado, quando, em quarto lugar, ele teve 113,9 mil votos.

Em 2016, na eleição ao executivo municipal, o deputado estadual José Ricardo (PT) encabeçou a chapa PT-PCdoB na disputa pela Prefeitura de Manaus. Ao seu lado, no posto de vice, estava o líder estudantil, Yann Evanovick (PC do B), indicado pelo partido comunista.

Segundo turno

Embora alguns blogs já comecem a confundir a população, o deputado informou que o partido decide em reunião nesta terça-feira (8) se apoiará Amazonino Mendes (PDT) ou Eduardo Braga (PMDB), ou mesmo se ficará neutro.

Sinésio Campos, Gleisi Hoffmann e José Ricardo / Divulgação
Sinésio Campos, Gleisi Hoffmann e José Ricardo / Divulgação

Comentários

comentários

Loading...