Inicial Notícias Polícia ‘CASO FLÁVIO’: Justiça aperta o cerco e decreta prisão preventiva de Alejandro Valeiko, Mayc Parede e Elizeu da Paz

‘CASO FLÁVIO’: Justiça aperta o cerco e decreta prisão preventiva de Alejandro Valeiko, Mayc Parede e Elizeu da Paz

O Caso Flávio continua se arrastando e sem previsão de conclusão. A Justiça Amazonense continua pressionando em busca de esclarecer os fatos e prender os culpados, tanto, que no início da noite desta sexta-feira (29), três envolvidos no caso do engenheiro Flavio Rodrigues tiveram prisão temporária convertida em prisão preventiva.

São eles: Alejandro Molina Valeiko, Mayc Parece e o PM Elizeu da Paz.

Seis pessoas foram presas suspeitas de terem participação no crime:

Alejandro Valeiko, que foi indiciado por homicídio;
Mayc Parede, também indiciado por homicídio;
Elizeu da Paz, indiciado pela polícia pelo crime de homicídio;
Vittorio Del Gatto, indiciado por omissão. Ele chegou a ser preso, mas teve liberdade concedida por problemas de saúde;
José Edvandro Martins de Souza Junior, 31 anos;
Elielton Magno de Menezes Gomes Junior, 22;

Elielton Magno e José Edvandro Júnior foram soltos da DEHS no fim da tarde desta sexta-feira (29).

'CASO FLÁVIO': Justiça aperta o cerco e decreta prisão preventiva de Alejandro Valeiko, Mayc Parede e Elizeu da Paz
‘CASO FLÁVIO’: Justiça aperta o cerco e decreta prisão preventiva de Alejandro Valeiko, Mayc Parede e Elizeu da Paz

ENTENDA O CASO

Todos os suspeitos presos, além da própria vítima, estiveram na casa de Alejandro Valeiko, filho da primeira-dama de Manaus – situada em um condomínio de luxo no bairro Ponta Negra, Zona Oeste de Manaus, no dia 29 de setembro.

No dia 30, o corpo do engenheiro Flávio Rodrigues foi encontrado em um terreno abandonado no bairro Tarumã, também na Zona Oeste.

Segundo a polícia, o local fica próximo ao condomínio de Valeiko.

A justiça prendeu todos os envolvidos na festa particular, além dos 2 Mayc e Da Paz. Mayc chegou a confessar o crime logo no início, porém, ao dizer como fez, não batia com a perícia e o caso continuou aberto.

Caso Flávio já está solucionado, afirma delegado da DHS
Engenheiro Flávio Rodrigues, morto em Manaus no dia 29/09 e encontrado morto em 30/09

Comentários

Carregue Mais Notícias Relacionadas
Comentários estão fechados.