Cauxi: flanelinha disse que não sabe que é ‘milionário’

5

José Odenilson Santana de Oliveira, o “Zé”, o flanelinha, confessou ter recebido 7 bicicletas, para conceder o seu nome e documentos para a abertura de empresas que eram beneficiadas por contratos milionários da prefeitura de Iranduba, região Metropolitana de Manaus.

José Odenilson estava sendo procurado pelos promotores do Grupo de Atuação Especial de Combate as Organizações Criminosas (Gaeco), da Operação Cauxi deflagrada pela Policia Civil no Município Iranduba. Segundo as investigações Zé é “sócio” das empresas Transcar Transportes Ltda e Iranduba Comércio e Serviços de Construção Ltda. E a parte dele no capital social das 2 empresas chega a R$ 550 mil.

Durante o interrogatório, sem colaborar muito, ele respondeu que não sabia que era dono de mais de meio milhão de reais. Que ganhou as bicicletas, sendo que três ele trocou por droga e o dinheiro que ele recebeu, aproximadamente R$ 5 mil, ele gastou com garotas de programa. No mesmo dia, na terça-feira (17), o mesmo foi visto nas proximidades da Câmara Municipal e da prefeitura em sua bicicleta. Zé estava portando dinheiro e chegou a mostrar para algumas pessoas.

Foto: Euzivaldo Queiroz
Foto: Euzivaldo Queiroz

Comentários

comentários