Comando Militar da Amazônia esclarece sobre caso de onça abatida no Cigs

11

Na manhã desta quarta-feira (22/6), o Comando Militar da Amazônia (CMA) divulgou nota de esclarecimento, informando que a onça-pintada protagonista do evento da passagem da tocha olímpica por Manaus, na última segunda-feira (20/6), foi a ‘Simba’, mascote do Centro de Instrução de Guerra na Selva (Cigs), unidade do Exército Brasileiro que sediou o evento, e não a ‘Juma’, conforme vem sendo amplamente divulgado pela mídia local, nacional e internacional.

Simba é uma das nove onças mantidas pelo Exército em Manaus, a publicação diz ainda que a onça-pintada ‘Juma’, mascote do 1º Batalhão de Infantaria de Selva (1ºBIS), estava, por coincidência, no Centro de Veterinária do CIGS no mesmo dia do evento. Pois o felino fazia revisões e cuidados da saúde como a limpeza da cavidade bucal e medição biométrica para acompanhamento do estado de higidez da onça.

Loading...

Confira a nota do CMA:

Comando Militar da Amazônia esclarece que onça abatida no Cigs não foi Juma
Comando Militar da Amazônia esclarece que onça abatida no Cigs não foi Juma

Comentários

comentários

Curta nossa página do Facebook