Conheça a macabra lenda da Jolie Hargars

6504

A lenda de Jolie Hargars é tão macabra quanto sua morte. Em 1890, com apenas 6 anos, a pequena Jolie, nascida na Nova Inglaterra, chocou os pais ao dizer que era filha de Satã. Nascida em uma família cristã, a pequena criança acordava na madrugada e ficava sorrindo sozinha em seu quarto.

Com 12 anos, botou fogo nas próprias mãos e disse que aquilo era para cumprir um pedido de seu mestre. Antes de completar 15 anos, seus pais a encontraram sentada e sorrindo em seu quarto. Tinha os olhos arrancados por um urubu, que os comia ao seu lado.

Logo, perceberam que sua voz estava grave ao dizer “Volo ire tecum, daemonium. Volo ire tecum, Satanae”, que quer dizer: “Leve-Me contigo Demônio, Leve-Me Contigo Satanás” e logo amaldiçoou todos os que lerem ou ouvirem suas palavras de entrega da alma.

Pois bem, já que você leu, agora chegou a hora de Satanás te levar. Você tem 10 segundos para marcar apenas um amigo para que ele(a) leia toda a lenda de Jolie.

Caso você ignore, nesta mesma noite, o mal irá aparecer em teu quarto na forma de um urubu e vai comer seus dois olhos, assim como fez com Jolie, após a mesma recitar as palavras de entrega espiritual.

Vamos, seja prudente e deixe que o urubu das trevas venha para tirar os olhos do amigo que você marcou e te poupe de ser amaldiçoado para sempre.

Fonte: Página Lenda Urbana

Comentários