‘Dançarino’ é executado em plena luz do dia com cinco tiros na Alvorada

434

Jociney Mendonça Coelho, vulgo ‘Dançarino’, de 32 anos, foi executado com cinco tiros, por volta das 14h da tarde de ontem (10), na rua Professora Rosa Gomes (antiga rua I), no conjunto Jardim do Éden, no bairro Alvorada, Zona Centro-Oeste de Manaus.

Segundo informações do delegado Fábio Silva, plantonista do 10º Distrito Integrado de Polícia (DIP), Jociney recebeu uma ligação e foi ao encontro do suspeito, que já foi identificado pela polícia como sendo ‘Rodrigo’.

‘Dançarino’ estava na calçada rua bebendo quando dois homens chegaram ao local em uma motocicleta. Em seguida, o garupa efetuou os disparos à queima-roupa, que morreu na hora.

Segundo informações do delegado Fábio Silva o crime pode ter ligação com tráfico de drogas. Foto: Divulgação

Na cena do crime, peritos criminais encontraram uma porção de maconha no boldo da vítima. A principal linha de investigação aponta para um acerto de contas por contas de dívidas com o tráfico de drogas. Os tiros atingiram o rosto e tórax de ‘Dançarino’.

Familiares estiveram no local e afirmaram a reportagem do Correio da Amazônia que ‘Dançarino’ tinha uma dívida de R$ 200 com um traficante da área.

“Ele estava devendo R$ 1.200 para um traficante do bairro. Por conta das ameaças, empenhamos uma moto para conseguir R$ 1 mil. O valor foi pago e ficou faltando apenas R$ 200, mas não houve tempo para pagar o restante”, disse um parente que preferiu não se identificar por medo de represálias.

O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML). O caso está sendo investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

‘Dançarino’ é executado com cinco tiros na Alvorada / Divulgação
‘Dançarino’ é executado com cinco tiros na Alvorada / Divulgação

Fonte : Correio da Amazônia

Comentários