Home Notícias Manaus David determina que UBS Nilton Lins abra uma extensão exclusiva para o atendimento de pacientes com síndromes gripais ou suspeita de Covid-19

David determina que UBS Nilton Lins abra uma extensão exclusiva para o atendimento de pacientes com síndromes gripais ou suspeita de Covid-19

2 minutos lido
202

Em live realizada na noite deste domingo, 10/1, o prefeito de Manaus, David Almeida, anunciou a abertura, na próxima terça-feira, 12, de uma extensão da Unidade Básica de Saúde (UBS) Nilton Lins, localizada bairro de Flores, zona Centro-Sul da capital, destinada exclusivamente ao atendimento de pacientes com síndromes gripais ou suspeita de Covid-19. O novo espaço faz parte do pacote de medidas implementadas pela atual gestão municipal para enfrentar o crescente número de novos casos e agravos da Covid-19 na capital amazonense.

Extensão da UBS Nilton Lins abre na terça-feira voltada ao atendimento de Covid-19 e outras síndromes gripais
A nova estrutura terá horário de atendimento de 7h às 19h e contará com assistência farmacêutica, coleta de RT-PCR (swab nasal – cotonete), teste rápido, três consultórios médicos, dois consultórios de enfermagem e uma sala de acolhimento.

O prefeito afirmou que a abertura do novo espaço será fundamental para reforçar o atendimento precoce no combate ao vírus que já matou mais de 3.700 pessoas na capital. Ele também fez um apelo à população, para que respeite o isolamento social e mantenha os cuidados básicos de prevenção.

“Vamos inaugurar na terça-feira a maior estrutura de Unidade Básica de Saúde da capital, lá dentro da Nilton Lins, especificamente para casos de Covid-19 e outras síndromes. Nós vamos entregar remédios e fazer testes. A situação é muito mais grave. Nós queremos cuidar da sua vida, queremos preservar a sua saúde. Manaus precisa de você agora, da sua consciência, da sua colaboração, da sua ajuda. Esse é o momento de nos ajudarmos. Permaneça em casa, faça a sua parte”, disse o prefeito durante a live.

Na ocasião, o prefeito também informou que irá solicitar ao Ministério da Saúde, para que Manaus seja a primeira capital a entrar no esquema de vacinação contra a Covid-19, e que a prefeitura deve realizar a contratação temporária de mais profissionais de saúde, além de adquirir mais de um milhão e meio de um medicamento para reforço de imunidade e que será distribuído à população.

Orientação

Como reforço na orientação à população, ainda durante a live o prefeito de Manaus fez questão de relembrar os sintomas mais comuns da Covid-19 (febre, dor de cabeça, tosse, dor muscular, perda do olfato e paladar, dor de garganta, sinusite, falta de ar, dor no peito e diarreia) e enfatizou a necessidade de se buscar atendimento básico ainda nos primeiros dias e sintomas da doença, para que o paciente inicie o tratamento precocemente, tendo uma maior possibilidade de cura, evitando assim a necessidade de ser internado em uma unidade hospitalar.

“Caso apresente dois ou três desses sintomas, procure a UBS mais próxima de sua casa para receber os primeiros atendimentos e fazer a testagem da Covid-19. Não espere ter falta de ar para procurar uma unidade de saúde”, concluiu.

Extensão da UBS Nilton Lins abre na terça-feira voltada ao atendimento de Covid-19 e outras síndromes gripais

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Marcus Pessoa
Carregar Mais Em Manaus

Deixe uma resposta

Leia Também

Prefeitura quer que responsáveis por viaduto do Manoa façam as adequações necessárias!

O prefeito David Almeida e o vice-prefeito e secretário municipal de Infraestrutura, Marco…