Home Notícias Polícia Delegado desmente Alberto Neto prisão de suspeito em bandeiraço e Capitão responde brabo em live

Delegado desmente Alberto Neto prisão de suspeito em bandeiraço e Capitão responde brabo em live

8 min - tempo de leitura
782

Na última quarta-feira (07), momentos após ser noticiado que o candidato a prefeito de Manaus Capitão Alberto Neto (Republicanos) havia prendido um suspeito de assalto num ônibus da linha 651, no bairro Coroado, durante um bandeiraço, o Delegado de Polícia Civil, Costa e Silva (Patriota), também Candidato a Vice-Prefeito, foi até o local para parabenizar o colega pela ação amplamente divulgada pela imprensa, mas chegando lá não havia registro da ocorrência.

Delegado desmente Alberto Neto prisão de suspeito em bandeiraço – Imagem: Reprodução

O fato intrigou o Delegado Costa e Silva, que foi pessoalmente no 11° DIP do bairro Coroado, e no 14° DIP do bairro Tancredo Neves, delegacias da área de onde teria ocorrido a ação criminosa, porém, o mesmo constatou novamente que não houve apresentação de ocorrência, e em nenhuma outra delegacia das proximidades até às 13hs da quarta-feira. Não há boletim de ocorrência nem procedimento policial sobre essa tentativa de assalto, disse o delegado.

O delegado fez um vídeo enquanto visitava as delegacias para acompanhar a ocorrência envolvendo o colega, Capitão Alberto Neto. Surpreso com as descobertas da inexistencia do boletim de ocorrência da ação que gerou tanta repercussão em Manaus, o delegado informou que a atitude do candidato pode se caracterizar como infração eleitoral, porque os candidatos precisam se desincompatibilizar de suas funções para concorrer ao cargo eleitoral, e a estrutura como a da polícia não pode ser usada para favorecer um candidato.

De acordo com informações de pessoas que estavam na ocorrência, tudo já estava sob controle quando Alberto Neto passou com sua equipe pelo local, viu a situação e decidiu parar e tirar fotos.

Confira o vídeo feito pelo delegado:

DELEGADO COSTA E SILVA VAI ATÉ UNIDADES POLICIAIS PARA VERIFICAR SE PRISÃO EFETUADA POR CANDIDATO A PREFEITURA É ESTRATÉGIA DE CAMPANHA E MARKETING POLÍTICO.Na manhã desta quarta-feira (07), o Delegado de Polícia Civil, Costa e Silva, Candidato a Vice-Prefeito pelo Patriota, foi até duas unidades policiais para confirmar a veracidade de uma ocorrência, com base nas fotos de uma abordagem policial postada em vários grupos de Whatsapp.Trata-se de uma abordagem feita pelo Capitão Alberto Neto, Deputado Federal, e agora candidato à prefeitura de Manaus, pelo Republicanos, que tem como Presidente do partido o também deputado Silas Câmara. Segundo consta nas matérias, o Capitão estava cumprindo a sua agenda e se deparou com uma situação de assalto dentro de um ônibus, quando então conseguiu intervir e impedir o assalto.Chamou atenção do Delegado Costa e Silva, que foi pessoalmente no 11° DIP do bairro Coroado, e no 14° DIP do bairro Tancredo Neves, delegacias da área de onde teria ocorrido o crime. Mas para sua surpresa não houve apresentação de ocorrência nessas delegacias, e em nenhuma outra até às 13hs. Não há boletim de ocorrência nem procedimento policial sobre essa tentativa de roubo. Esse tipo de conduta pode ser caracterizada como infração eleitoral, porque os candidatos precisam se desincompatibilizar de suas funções para concorrer ao cargo eleitoral, e a polícia não pode ser usada como trampolim marketeiro para favorecer um candidato.Segundo informações de pessoas que estavam na ocorrência, tudo já estava sob controle quando Alberto Neto passou com sua equipe pelo local, viu a situação e decidiu parar e tirar fotos. Chamou muito a atenção da população manauara o fotógrafo estar ali em posição perfeita no momento da abordagem. Pareceu muito uma encenação para conseguir subir mas pesquisas e ganhar o voto do eleitor.A população manauara não pode ficar a mercê de um mundo imaginário das redes sociais, onde a realidade é bem diferente da fantasia. Não podemos admitir novos nomes com velhas práticas. O povo não pode ser levado ao erro e ser enganado. Estamos de olho!🧐

Posted by Delegado Costa e Silva on Wednesday, October 7, 2020

Capitão fica brabo e responde Delegado Costa e Silva em live

Na noite da quarta-feira (8/10) o candidato Alberto Neto fez uma live respondendo ao vídeo do Delegado Costa e Silva. Brabo, o capitão desmentiu o Delegado que havia desmentido a suposta ação criminosa que resultou na prisão de um homem na linha 651, quando o Capitão do nada percebeu que o ônibus estava sendo supostamente assaltado quis frustar a ação, segundo ele.

Durante a live, internautas debochavam da versão do candidato Capitão Aberto Neto, que ficava cada vez mais nervoso, afirmando que o fato dele ter frustrado o assalto ao coletivo era verídico.

A Polícia Civil informou em nota, que durante buscas no Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp), até o momento não foi encontrado registro de Boletim de Ocorrência (BO), com as informações repassadas, sobre o caso solicitado”.

Confira o vídeo do Capitão Alberto Neto sobre a ação de prisão no bandeiraço:

Você já foi assaltado no ônibus ?

Posted by Capitão Alberto Neto on Wednesday, October 7, 2020

 

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por No Amazonas é Assim
Carregar Mais Em Polícia

Deixe uma resposta

Leia Também

Trump estaria usando dublê para substituir própria esposa, confira as imagens

Internautas levantaram a teoria que Donald Trump estaria usando uma dublê de corpo para su…