Ela foi ao hospital dar a luz à quíntuplos, mas chegando lá o médico contou algo que deixou o casal sem chão

410

O casal ficou muito entusiasmado em moldar sua família; No entanto, uma notícia dada pelo médico no dia em que a mulher foi dar à luz, derrubou todos esses desejos.


Bárbara Bienvene, de 37 anos, e Paul Servat, de 35 anos, viviam um ótimo relacionamento, ambos precisavam apenas ter um filho para poder formar a família que tanto desejavam. É por isso que os médicos informaram que a mulher estava grávida, estavam tão empolgados que começaram imediatamente com todos os preparativos.

Quando Bárbara foi fazer o primeiro ultrassom sozinha, surpreenderam-na dizendo que ela não ia ter um filho, mas apenas 5. A mulher contou a notícia ao marido, que não conseguia esconder sua imensa felicidade. Os canadenses sempre quiseram ter uma família grande e parecia que o que eles queriam muito seria uma realidade mais cedo do que esperavam.

O casal contou à família e aos amigos as boas notícias. Então eles abriram uma página no Facebook onde publicaram notícias e fotos de toda a gravidez de Barbara. A página tornou-se tão popular que eles começaram a receber doações de dinheiro como ajuda. Os cônjuges não acreditavam que estranhos estivessem apoiando-os.

Os médicos levaram Paul para uma sala privada e disseram que sua namorada provavelmente sofreu pseudociese, comumente conhecida como gravidez psicológica ou gravidez fantasma. Esse problema psicológico faz com que as mulheres experimentem sintomas semelhantes aos da gravidez, como a barriga inchada ou o enjôo matinal, sem que uma nova vida cresça dentro deles.

Paul ficou muito confuso, mas depois um parente de Barbara confessou que essa não era a primeira vez que Bárbara fingia uma gravidez, já em 2010 ela mentiu para o namorado dizendo que estava grávida.

Comentários