Em Boca do Acre, deputado é recepcionado por professores com faixa de repúdio por ter votado contra a emenda da data-base

352

Como forma de protesto, professores da rede estadual de ensino, em Boca do Acre, no Sul do Estado do Amazonas, recepcionam os deputados estadual Berlamino Lins e federal Átila Lins (PROS) com uma faixa de repúdio (Berlamino Lins), pelo seu posicionamento contra a emenda da data-base que seria concedido aos servidores da educação, no início de 2018.

Em Boca do Acre, deputado é recepcionado por professores com faixa de repúdio por ter votado contra a emenda da data-base - Foto : Andrécia
Em Boca do Acre, deputado é recepcionado por professores com faixa de repúdio por ter votado contra a emenda da data-base – Foto : Andrécia

O que o parlamentar não aguardava é que fosse recepcionado com uma faixa de forma depreciativa, onde dizia: “Deputado, o senhor votou contra a emenda da data-base da Educação em 2018, agora os servidores da Educação votarão contra o senhor”.

Pelo que se deduz os professores do Estado estão acompanhando de perto todos os deputados que se opuseram a emenda acima mencionada.

Os parlamentares tiveram que optar por adentrar ao local onde seria a reunião pelas portas do fundo, já informados da manifestação pública.

Segundo o site Portal do Purus o encontro dos deputados com lideranças e simpatizantes aconteceu no salão de eventos da Maçonaria e ainda contou com a presença do ex-prefeito Iran Lima.

Caso não haja um acordo entre o Governo do Estado do Amazonas e a classe de professores, será deflagrado greve na próxima quinta-feira, 23 de março.

Comentários