Em comício, David diz “Sou novo, mas não sou aventureiro”

53

O candidato ao Governo do Amazonas e presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE-AM), David Almeida (PSB), declarou na última atividade de campanha neste primeiro turno que é o novo, mas não é nenhum aventureiro que buscou se promover depreciando a cidade de Manaus.

“Nós que amamos e conhecemos a nossa cidade mesmo com os problemas que ela tem. Não somos aventureiros”, declarou.

O discurso fez parte do último comício de David Almeida nesta campanha que ocorreu no Conjunto Viver Melhor 1, Zona Norte de Manaus.

De acordo com a assessoria de comunicação de David Almeida, o comício reuniu cerca de 14 mil pessoas no lugar. No palanque, aliados e candidatos da coligação de David.

David afirmou que a população se cansou dos políticos antigos e também não vai apostar em vôo cego com pessoas inexperientes. Nas declarações fez referências diretas aos candidatos que lideram as pesquisas de intenção de votos Amazonino Mendes (PDT) e Wilson Lima (PSC).

“Amazonino já teve várias oportunidades”, disse.

Sobre Wilson, David falou sem citar o nome. “O outro rapaz que se diz o novo salto no escuro, não tem condições, é voo cego. Íamos nos arrepender pelos próximos quatro anos. O cidadão se tornou conhecido só por falar mal de Manaus. Chegou aqui para falar impropérios da nossa cidade”, disse.

David afirmou que ele e o vereador Chico Preto (PMN) são jovens e preparados para melhorar a administração do estado e os índices de educação, saúde e segurança pública.

“Somos dois jovens amazonenses, que querem o melhor para o estado. As cortinas estão se abrindo para uma nova geração. Geração do empreso, educação,segurança pública e queremos corrigir o que está errado no Amazonas”, declarou.

O evento também foi marcado pelo jingle da campanha e músicas evangélicas entoadas pelo próprio David Almeida, que agradeceu aos militantes e candidatos o apoio durante toda a campanha em primeiro turno.

David disse confiar no retorno em votos do carinho que recebeu nos mais de 30 municípios visitados neste primeiro turno da campanha.

“Não é fácil ter que encarar as dificuldades. Sou um cara simples, que veio de baixo, o único candidato que representa a real mudança e que não tem apoio das máquinas, nem surgi do nada, para atender interesses de grandes grupos empresariais. Sou do povo, e o povo do Amazonas vai colocar alguém pé no chão, que se preparou para governar o Estado. Nossa candidatura não é uma aventura. Nós temos a experiência necessária para governar e compromisso em cuidar das pessoas”, disse.

Foto: Divulgação/Dhyeizo Lemos
Foto: Divulgação/Dhyeizo Lemos

Comentários

Receba nossas atualizações em seu e-mail: