Em presídio de Coari-Am, pescador que matou a mulher é enforcado

138

Na tarde de ontem, terça-feira (24), por volta das 16h30 durante o banho de sol, o corpo do detento Francisco de Lima de Azevedo, de 26 anos, foi encontrado dentro de uma das celas da Unidade Prisonal de Coari, município situado a 366 quilômetros de Manaus.

De acordo com o delegado de Coari, Mauro Duarte, o detento foi espancado e depois enforcado. Segundo investigações preliminares, existem suspeitas de que os outros detentos tenham espancado e enforcado Francisco por ele ter cometido o feminicídio e ocultação de cadáver de sua ex-convivente, Irilene dos Santos Dantas, de 25 anos, crime ocorrido no dia 20 de janeiro.

Depois de matar, o suspeito jogou o corpo na água, próximo à Ponte do Roberval, bairro Chagas Aguiar.

De acordo com o delegado Mauro Duarte, no dia seguinte após ser preso, dezenas de pessoas já haviam tentado invadir a Delegacia de Coari a fim de linchá-lo, mas foram impedidas por policiais civis e militares lotados no 5° BPM-COARI.

A investigação para apurar a morte de Francisco será conduzida pela Delegacia de Coari.

Franscisco é espancado e depois enforcado em presídio de Coari / Divulgação
Franscisco é espancado e depois enforcado em presídio de Coari / Divulgação

Comentários

comentários

Loading...