Encontrão de mães busca incentivar a amamentação no Amazonas

551

No período de 24 a 28 de novembro, em Manaus, será realizado do XIII Encontro Nacional de Aleitamento Materno – ENAM e II Encontro Nacional de Alimentação Complementar Saudável – ENACS. O evento busca incentivar a amamentação materna no Amazonas.

Encontrão de mães incentiva a amamentação no Amazonas
Encontrão de mães incentiva a amamentação no Amazonas

O Amazon Sat transmitirá flashes de toda a programação do evento, como a solenidade de abertura no dia 26 de novembro, no Studio 5 Centro de Convenções; os debates sobre os diversos temas previstos durante o Encontro e a produção de imagens que serão exibidas no telão do Anfiteatro da Ponta Negra. Essas imagens foram geradas no decorrer das atividades do projeto Mil Mães, realizado nos municípios de Manaus, Manacapuru, Maués e Nova Olinda do Norte, com o apoio das equipes da Rede Amazônica de Televisão.

Em sua 13 edição o evento, que também conta com a parceria da Secretaria Municipal de Saúde – SEMAS e UNICEF, abordará a seguinte temática: Qualidade de Vida: Amamentação e Alimentação Complementar em Redes – Uma visão a partir da Amazônia.

De acordo com a Chefe do Núcleo de Saúde da Criança e Adolescente da Secretaria Municipal de Saúde de Manaus (SEMSA) e Presidente do ENAM/ENACS 2014, Ivone Amazonas, pesquisas revelam que no município de Manaus o índice de aleitamento materno tem aumentado nos últimos anos. “Esperamos que no futuro nossas crianças tenham boa qualidade de vida, onde a amamentação e alimentação complementar sejam extraídas de toda exuberância nutricional que a nossa Amazônia possa proporcionar”, disse ela em referência a riqueza e diversidade da nossa floresta e cultura.

PROGRAMAÇÃO

Uma gama de atividades está prevista durante os dias de realização do evento. Nos dias 24 e 25, cursos sobre Aleitamento Materno e Amamentação serão ministrados no auditório da Universidade Paulistana – UNIP, localizada na rua Recife, em Manaus.

Ainda no dia 25 de novembro, a partir das 15h, o Anfiteatro da Ponta Negra será palco do encontro de aproximadamente mil mães que simultaneamente amamentarão seus filhos. O evento é conhecido pelo título de Mamaço.

Já no dia seguinte (26), às 8h, acontecerá a abertura oficial do evento, na sala Tucunaré, no Studio 5 – Centro de Convenções, ocasião que deverá contar com a presença de autoridades local e nacional. Em seguida, será realizada a conferência: “A política nacional de atenção integral à saúde da criança e o aleitamento materno”, com a participação da Presidente, Ivone Amazonas e do conferencistas, Paulo Vicente Bonilha de Almeida, do Distrito Federal.

Confira a programação completa do evento.

MIL MÃES

Como parte da programação do evento, no dia 25 de novembro, acontece o projeto Mil Mães, que teve início no ano de 2002, nos Estado Unidos e no Brasil, já aconteceu nas cidades de Porto Alegre (2006), Belém (2008), e Fortaleza (2012). Durante a realização do evento na cidade de Belém, se bateu recorde de amamentação, isto porque foram reunidas 1.600 mulheres que por quase um minuto, amamentaram seus filhos, estimativa está a ser superada nesta edição, de acordo com as expectativas dos organizadores.

No Amazonas, o projeto já aconteceu nos municípios de Manacapuru, Maués e Nova Olinda do Norte onde as equipes das secretárias municipais de saúde e parceiros, reuniram mães com filhos na faixa etária de 0 a 2 anos de idade, que ainda se alimentam exclusivamente do leite materno; sensibilizando as envolvidas sobre a questão da importância do aleitamento materno para o crescimento e desenvolvimento das crianças.

HISTÓRICO

A IBFAN (Rede Internacional em Defesa do Direito de Amamentar – International Baby Food Action Network) é uma rede internacional, sem fins lucrativos, criada em 1979 e hoje presente em 164 paises. A IBFAN tem como objetivo coordenar os esforços de proteção ao aleitamento materno, compartilhar informações e aumentar a consciência mundial sobre a importância da amamentação e os perigos potenciais da alimentação artificial na infância. A entidade atua também para sensibilizar as autoridades internacionais (especialmente OMS e UNICEF) e nacionais quanto à implementação do Código Internacional de Comercialização de Substitutos do Leite Materno e das Resoluções e ele relacionadas.

No Brasil, a REDE IBFAN foi fundada em 1983 e conta com membros voluntários, profissionais das mais diversas áreas como saúde, psicologia, assistência social, direito, promotoria pública, agronomia, medicina veterinária, pedagogia, fonoaudiologia, antropologia, sociologia, jornalismo, fiscalização sanitária, mães e pais da comunidade, profissionais ligados a organizações não governamentais de defesa da cidadania, a grupos de incentivo da amamentação ou cidadãos interessados no tema.

Desde 1990, a REDE realiza o Encontro Nacional de Aleitamento Materno (ENAM), bienalmente. A partir de 1994 o mesmo acontece em diferentes estados brasileiros, facilitando a oportunidade de congrega especialistas em aleitamento materno de todo o país, gestores das várias esferas do Sistema Único de Saúde (SUS), órgãos e entidades de defesa da criança e do consumidor e grupos comunitários de mulheres, entre outros participantes.

 

Enviada por : Izane Vitorino

Comentários

comentários

Loading...