Home Notícias Polícia Ex funcionária é presa por aplicar golpe de R$ 6 Milhões na Unimed em Manaus

Ex funcionária é presa por aplicar golpe de R$ 6 Milhões na Unimed em Manaus

3 min - tempo de leitura
16

Nesta quarta-feira (4/10) a polícia apresentou à imprensa a assistente administrativa Silvia Borges Nogueira, de 35 anos, ex-funcionária do hospital particular Unimed Manaus, localizado na Zona Centro-Sul de Manaus, suspeita de envolvimento num esquema que teria desviado aproximadamente R$ 6 milhões da unidade hospitalar da Unimed em Manaus.

Ex funcionária é presa por aplicar golpe de R$ 6 Milhões na Unimed em Manaus – Imagem: Divulgação

A assistente administrativa recebia pagamentos em espécie ou em débito em conta de boletos bancários. Ela teria subtraído os valores recebidos dos pagamentos dos boletos em espécie e registrava no sistema como recebidos por meio de débito em conta. Silvia foi demitida por justa causa em junho deste ano, com mais quatro pessoas, após constatação da prática criminosa, na ocasião ela afirmou que havia mais pessoas envolvidas no esquema.

Segundo o delegado Rafael Guevara, titular do 12º Distrito Integrado de Polícia (DIP), a prisão preventiva da suspeita foi na última quinta-feira (28/09), por volta das 10h, na residência dela, localizada no bairro Cidade Nova, Zona Norte de Manaus.

De acordo com a polícia, as investigações em torno do caso duraram três meses. O grupo ostentavam com carros de luxo e apartamentos em áreas nobres da cidade.

No esquema criminoso eram criadas empresas fantasmas que teoricamente prestavam serviços para o hospital. Os pagamentos a essas empresas fictícias eram depositados pelos três ex-funcionários nas contas dos outros três envolvidos no esquema.

Após auditoria interna na empresa foram constatados 47 pagamentos irregulares, somados os valores ao longo de mais de um ano, deu quase R$ 6 milhões, segundo informações da polícia. Silvia alegou ser inocente e que foi injustamente demitida, afirmou também que não pegou dinheiro citado na investigação.

Os seis envolvidos fugiram no momento em que a polícia tentava cumprir o mandado de prisão. A polícia está à procura dos foragido: gerente financeiro Flávio Lavareda Leão Filho, 33, companheiro de Flávio, Alexandre Holanda do Nascimento, 37, a ex-supervisora financeira Marineide do Vale Maia, 33 e seu marido Renildo da Cruz Teixeira, 37 e o analista financeiro Diego da Silva Martins, 31 com sua companheira, Rita Cássia Bentes Martins, 37.

Polícia procura seis por desviar R$ 6 milhões da Manaus Unimed - Imagem: Divulgação
Polícia procura seis por desviar R$ 6 milhões da Manaus Unimed – Imagem: Divulgação

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por No Amazonas é Assim
Carregar Mais Em Polícia

Deixe uma resposta

Leia Também

David anuncia Marcos Rotta para infraestrutura e equipe de transição

No primeiro dia como prefeito eleito de Manaus, David Almeida (Avante), anunciou na tarde …