Família desaparece misteriosamente em Presidente Figueiredo no Amazonas

43

Um crime ocorrido em Presidente Figueiredo desafia a Polícia Civil do Amazonas desde a última semana, quando o caseiro Denilson Monteiro da Silva, 49, foi morto por bandidos na última quinta-feira (8) e o seu corpo encontrado apenas na sexta-feira (9).

Do fato ocorrido, o que mais chama a atenção é o desaparecimento de uma família inteira composta por Lucenilda Soares da Costa, 39 e suas filhas Jamilly Soares da Costa, 3, e Ana Vitória Soares Monteiro, de 11 meses, que desapareceram.

A família, incluindo o caseiro, morava e trabalhava, em um sítio no quilômetro 83 da BR-174, próximo ao município de Presidente Figueiredo, distante 107 quilômetros em linha reta de Manaus. O caseiro foi morto por espancamento e a esposa e filhas desapareceram.

Os bandidos levaram da casa uma televisão de 40 polegadas, comida da geladeira e produtos alimentícios do comércio da vítima, que funcionava também no sítio.

Polícia não tem pistas

Apurado pelo Portal ACrítica, o delegado Valdinei Silva, titular da Delegacia Interativa de Presidente Figueiredo, informou que trabalha com todas as possibilidades, desde latrocínio (roubo seguido de morte) e até mesmo de homicídio.

“Estamos sem novidades, ouvimos alguns familiares dela, mas não souberam informar também onde ela estava. E no momento eu trabalho com todas as possibilidades, de roubo seguido de morte, mas até o momento ainda não temos nada”, disse ele ao portal.

Esposa e filhas pequenas ainda estão desaparecidas desde o dia do crime. / Foto: Jander Robson  / ACrítica
Esposa e filhas pequenas ainda estão desaparecidas desde o dia do crime. / Foto: Jander Robson / ACrítica

Comentários