Home Notícias Esporte Filho bate no pai! No clássico Pai x Filho, Fast vence o Nacional e assume temporariamente o Barezão

Filho bate no pai! No clássico Pai x Filho, Fast vence o Nacional e assume temporariamente o Barezão

3 min - tempo de leitura
17

E o filho bateu no pai na tarde deste sábado, na Arena da Amazônia! O Nacional que tinha feito um jogo espetacular na quarta-feira, contra o Princesa, tirando sua invicibilidade de 100%, tropeçou feio e com -2 jogadores pegou 2 gols do Fast Clube, em jogo válido pela quarta rodada do Campeonato Amazonense. Os gols foram marcados por Robinho e Willian Saroa, do tricolor, tudo no primeiro tempo.

Foto: Rômulo Almeida
Foto: Rômulo Almeida

O jogo foi debaixo de muita chuva que atrapalhou bastante e chegou a adiar o início do segundo tempo. E com a vitória, o tricolor salta pra liderança do campeonato, mas pode perder tanto pra Princesa quanto pro Manaus, que jogam neste domingo no Gilbertão, em Manacapuru. Já o Naça cai pra terceiro, e caso o Gavião e o Penarol vençam seus adversários, pode ser que fique fora do G4.

O Naça no primeiro tempo já começpou dando três arremates de longa distância, dois com Paulo Índio e um com Romarinho, mas aos 24 minutos, o amarelado Felipe cometeu falta contra Robinho e acabou sendo expulso. Com isso, o Rolo Compressor já deu sinais que iria ampliar.

E começou ampliando, aos 19 minutos, Gelvane cruza falta pelo lado direito dentro da área, e André Regly afasta. No rebote, Robinho pega de primeira, da entrada da área, e marca um golaço.

Foto: Rômulo Almeida
Foto: Rômulo Almeida

Nos 27 minutos, Jordan cometeu um pênalti sobre Cassiano, foi cobrado por Sarôa no canto esquerdo de Regly. Mais a frente, Fabinho acabou pisando na mão de Gelvane e também foi expulso. Lana mexeu no time diversas vezes, e o Nacional mostrava garra, sendo superior em alguns momentos, mas o placar continuou o mesmo.

No segundo tempo, só teve uma única chance de gol, aos quarenta minutos, quando Jhorman tabelou com Walker e entrou cara a cara com André Regly, que milagrosamente evitou o terceiro gol do tricolor. Nos acréscimos, Romarinho do Nacional acabou desperdiçando uma bola na pequena área, tendo chances de diminuir a desvantagem.

*Com informações do GE

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Nickson Maciel
Carregar Mais Em Esporte

Deixe uma resposta

Leia Também

Alunos nordestinos fazem saudação nazista em sala de aula e são suspensos pela direção

Um grupo de adolescentes de 17 anos  do Colégio Santa Maria, um dos mais tradicionais da r…