Finep visita obras do primeiro laboratório multiusuário de microscopia da UEA

82

Na tarde desta ter√ßa-feira (8), o diretor de Desenvolvimento Cient√≠fico e Tecnol√≥gico da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), professor doutor Wanderley Souza, visitou a Escola Superior de Ci√™ncias da Sa√ļde (ESA) da Universidade do Estado do Amazonas (UEA) para acompanhar o andamento do projeto de cria√ß√£o do primeiro laborat√≥rio multiusu√°rio de microscopia da na √°rea de ci√™ncias biom√©dicas do Estado. O laborat√≥rio √© uma parceria da UEA com a Finep, a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), o Instituto de Biof√≠sica Carlos Chagas Filho (IBCCF) e o Centro de Investiga√ß√Ķes na √Ārea M√©dica e Biol√≥gica (CEMABIO) da UFRJ.

Segundo o diretor da Finep, Wanderley Souza, esse local servirá como um centro para atender tanto a UEA como toda a comunidade científica do Amazonas. / Foto: Divulgação UEA
Segundo o diretor da Finep, Wanderley Souza, esse local servirá como um centro para atender tanto a UEA como toda a comunidade científica do Amazonas. / Foto: Divulgação/UEA

Segundo o Reitor da UEA, Cleinaldo Costa, a implanta√ß√£o de um laborat√≥rio multiusu√°rio de microscopia eletr√īnica de varredura, microscopia de fluoresc√™ncia e microscopia de transmiss√£o colocar√° a Universidade no cen√°rio nacional e internacional de microscopia e de an√°lise de fen√īmenos biol√≥gicos e biom√©dicos. “Tratando-se de doen√ßas da Amaz√īnia e de desenvolvimento de novos f√°rmacos esse √© um passo muito importante para o Estado e, sobretudo, pela parceria onde contamos com o suporte financeiro da Finep, o suporte institucional e cient√≠fico da UFRJ e dos outros parceiros”, ponderou o Reitor.

Durante a visita, o diretor da Finep declarou ter ficado satisfeito com o andamento do projeto, que ocorre dentro do cronograma de execu√ß√£o. “Esse local servir√° como um centro para atender tanto a UEA como toda a comunidade cient√≠fica do Amazonas”. Para o professor doutor Kildare Miranda, que √© uma das autoridades brasileiras na √°rea de microscopia eletr√īnica, microscopia de varredura, microscopia de fluoresc√™ncia e microscopia de transmiss√£o, o Amazonas √© um polo potencial para a cria√ß√£o de mais laborat√≥rios na √°rea de f√°rmacos, cosm√©ticos e doen√ßas tropicais. “A visita foi muito positiva e vejo com otimismo a cria√ß√£o de laborat√≥rios em Parintins, S√£o Gabriel da Cachoeira e Itacoatiara”, sinalizou.

O laboratório está na fase de finalização de obra. / Foto: Divulgação/UEA
O laboratório está na fase de finalização de obra. / Foto: Divulgação/UEA

O laborat√≥rio est√° na fase de finaliza√ß√£o de obra. Os equipamentos, comprados por meio de recursos Finep e parte de recursos da UEA, j√° foram importados e est√£o em tr√Ęnsito para Manaus, com previs√£o de chegada em fevereiro. A conclus√£o est√° prevista para abril e a inaugura√ß√£o ainda no primeiro semestre deste ano. “A inten√ß√£o √© inaugurar o laborat√≥rio no primeiro semestre de 2019 e coloc√°-lo √† disposi√ß√£o da Universidade do Estado do Amazonas e da comunidade cient√≠fica amazonense, considerando que √© um laborat√≥rio multiusu√°rio”, explicou Cleinaldo Costa.

Fonte: Ascom UEA

Coment√°rios