Fundador da maior corretora de criptomoedas do Brasil morre em acidente de trânsito

126

Durante a tarde de natal (25), um acidente de trânsito na Rodovia João Ribeiro de Barros (SP-294), em Marília (SP), matou o empresário Luís Augusto Schiavon, de 24 anos. A vítima, que era conhecida como Guto Schiavon, era um dos empresários mais bem sucedidos do ramo de criptomoedas do Brasil e foi um dos fundadores da Foxbit em 2014, considerada uma das maiores corretoras de bitcoin do país.

De acordo com a Polícia Rodoviária, o acidente foi em um trecho de pista simples, quando chovia bastante. O carro dirigido pelo empresário rodou na pista, invadiu a faixa contrária e foi atingido por outro. Um caminhão que vinha atrás não conseguiu desviar e também se envolveu no acidente.

Guto viajava com a namorada, Ariadny Rinolfi, que foi socorrida em estado grave. No segundo carro estavam três pessoas: a estudante Beatriz Guide, de 20 anos, o namorado e o pai dele. Os três foram socorridos em estado grave, mas ela não resistiu aos ferimentos e morreu na manhã da última quarta (26). Os outros feridos continuam internados.

Comentários