Givancir Oliveira alega ter sofrido extorsão de jornalista que estava metros de distância dele

201

Durante coletiva nesta manhã (13),  o presidente do Sindicato dos Rodoviários de Manaus (STTRM), Givancir Oliveira, contou sobre as exigências da categoria para não paralisar a frota em 100% no próximo dia 20. Entre elas estão o pagamento do salário em atraso e a retomado do plano de saúde que havia sido suspensa.

O presidente do Sindicato dos Rodoviários Givancy Oliveira disse ter sido vítima de extorsão
O presidente do Sindicato dos Rodoviários Givancy Oliveira disse ter sido vítima de extorsão

Caso essas exigências não sejam atendidas, eles ou paralisarão 100% da frota, ou farão catraca livre.

Durante a coletiva, questionaram sobre a agressão que ele teria cometido contra o repórter do Portal do Holanda, Pedro Braga Junior.

Givancir disse que foi vítima de extorsão do jornalista,e que ainda segundo ele, o repórter pediu uma “ajuda” para que o portal “limpasse” a imagem dele. Ele não gostou e então mandou o repórter para aquele lugar. Givanci disse também que respeita a imprensa e que existe muitos profissionais qualificados. Ele disse que o problema é que parte da imprensa só quer ouvir um lado.

Durante a cobertura da paralisação dos rodoviários no Centro nesta quinta (12), o repórter fotográfico Pedro Braga Junior, do Portal do Holanda, foi agredido verbalmente pelo Presidente do Sindicato, Givancir de Oliveira.

Toda a situação estava sendo transmitida em LIVE e em nenhum momento apareceu se quer o fotógrafo próximo de Givancir de Oliveira.

Veja vídeo abaixo.

A atitude do sindicalista gerou inclusive, Nota da Repúdio do Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado do Amazonas – SJP/AM.

Comentários