Hist√≥ria do bairro: Col√īnia Ant√īnio Aleixo

4003

Foi na d√©cada de 1940, que o m√©dico amazonense doutor Menandro Tapaj√≥s, dedicado √† cura do mal de Hansen, convidou o seu colega de Minas Gerais, doutor Ant√īnio Aleixo, para vir a Manaus participar de um trabalho com os portadores de hansen√≠ase de Manaus, cujo mal se agravava entre esses doentes. No in√≠cio eram poucos os pacientes, mas os doentes de Paricatuba, no munic√≠pio de Manacapuru √† √©poca, foram transferidos para os pavilh√Ķes e em 1942 a nova comunidade cresceu e recebeu o nome de Col√īnia Ant√īnio Aleixo.

Col√īnia Ant√īnio Aleixo
Col√īnia Ant√īnio Aleixo

Essa hist√≥ria √© contada na segunda edi√ß√£o do livro ‚ÄúBairros de Manaus‚ÄĚ, do historiador Gaitano Antonaccio. De acordo com o pesquisador, com a descoberta de novos medicamentos, o tratamento passou a dar melhores condi√ß√Ķes aos doentes, mas infeliz-mente, poucas pessoas visitavam a Col√īnia, com medo de contrair a doen√ßa.
O bairro passou logo em seguida a ser conhecido como o Leprosário do Aleixo e por mais de 30 anos abrigava, apenas os doentes de hanseníase. Entretanto, com o tempo, alguns familiares passaram a residir com os doentes, que se integravam à comunidade e com o avanço da medicina, os perigos de contágio diminuíram acentuadamente.
‚ÄúA data em que se comemora o anivers√°rio do bairro passou a ser o dia 25 de setembro de 1942, quando o local foi assim reconhecido pela prefeitura‚ÄĚ, informa o historiador em seu livro.

BAIRRO ATUALMENTE

O bairro Col√īnia Ant√īnio Aleixo est√° localizado na Zona Leste de Manaus e limita-se com o Mauazinho, Distrito Industrial da Suframa e o Lago do Aleixo, que separa o bairro do Puraquequara, abrigando popula√ß√£o de aproximadamente 16 mil pessoas.
O com√©rcio √© intenso no local e existem, na rua Menandro Tapaj√≥s, lojas de autope√ßas, estivas, bebidas, g√™neros aliment√≠cios, legumes e verduras, confec√ß√Ķes, restaurantes e lojas de conveni√™ncia. Um dos atrativos do bairro h√° mais de duas d√©cadas tem sido a casa conhecida como ‚ÄúPanela Cheia‚ÄĚ do comerciante Neurenilton Gon√ßalves. A rua Menandro Tapaj√≥s √© respons√°vel por oitenta por cento do com√©rcio do bairro.
A igreja de S√£o Francisco de Assis √© uma das mais importantes obras do bairro. A √°rea da Col√īnia Ant√īnio Aleixo √© bonita, com muito verde para se contemplar, lagos e igarap√©s que s√£o visitados e fotografados por turistas e outros que os visitam por simples lazer ou curiosidade.
O nome da principal pra√ßa √© Tancredo Neves, onde bem pr√≥ximo est√° erguido o Centro Social e Educacional do Lago do Aleixo (Csela) e o Clube de M√£es. O bairro est√° dividido em pequenas comunidades que facilitam a administra√ß√£o: Comunidade da F√© I, II, Onze de Maio, Nova Esperan√ßa, Col√īnia Ant√īnio Aleixo, Planalto e Buritizal.
A Escola Municipal Lili Benchimol começou como uma simples creche construída no ano 2000 e em 2005 foi transformada em escola. O centro educacional mantém uma biblioteca, a evitar que estudantes precisem se deslocar ao centro de Manaus a fim de efetuarem pesquisas e estudos.
Além disso, a comunidade desenvolve alguns projetos, entre os quais estão o Ecae (Espaço Cidadão de Arte e Educação) onde os jovens estudam balé clássico, realizam oficinas de leitura, jogos, praticam informática e outras atividades.
A maternidade Chapot Prevost, da comunidade de Nova Esperan√ßa, e a Escola Estadual Manoel Ant√īnio de Souza, em conjunto com a igreja de Nossa Senhora de F√°tima, d√£o estrutura ao bairro.

Coment√°rios