Home Notícias Polícia Homem “pagou de doido” para travesti e quase foi morto a facadas

Homem “pagou de doido” para travesti e quase foi morto a facadas

2 min - tempo de leitura
1,971

Um “jackzão” de 31 anos, tamanho macho, quase “foi pro saco” na noite de domingo (23), após confundir um travesti, que calçava 44, com uma mulher e se recusar a fazer um programa sexual, na “brotheragem”. O crime aconteceu na Rua da Beira, Bairro Lagoa, em Porto Velho. O homem informou que é morador do município de Humaitá (AM) e que estaria apenas de passagem pela Capital de Rondônia. Ele contou que estava “tomando uma” nas proximidades da rodoviária antes de embarcar para sua cidade de origem. Daí ele pensou: “tô fazendo nada, vou alí dar uma aprontada de leve”. Foi então que ele decidiu procurar uma “prima”, mas por estar embriagado, afirmou aos policiais que acabou confundindo um travesti com uma mulher.

O homem relatou ainda que ao perceber que tinha “dado um bote errado”, desistiu do programa sexual, foi aí que o “tempo fechou” e o travesti ficou “virado no Jiraya”. Com raiva, o acusado puxou uma faca da bolsa e começou a “ticar” o homem com vários golpes, acertando no tórax, cabeça e costas. Para não visitar a pedra do IML, a vítima saiu correndo e pediu ajuda de populares. O travesti, que não é besta nem nada, fugiu levando a bolsa de viagem da vítima com roupas e outros objetos. Uma equipe do Samu foi acionada, e socorreu o homem até o Pronto Socorro João Paulo II. A Polícia Militar “passou o pano” pela região onde aconteceu o crime, mas não localizou o criminoso.

 

Imagem: Divulgação

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Roger Siqueira
Carregar Mais Em Polícia

Deixe uma resposta

Leia Também

Conheça o Samambaia, influencer que “quase” virou vereador de Rio Preto da Eva

Samambaia Sousa Nathio, ou simplesmente Samambaia, 36 anos, natural de Oiticica – CE…