Impressora 3D que faz comida ganha prêmio Design Lab

158

O projeto brasileiro conquistou o segundo lugar no concurso Design Lab.

O Design Lab √© um dos mais prestigiados concursos de design do mundo, o projeto conceito elaborado pela designer brasileira Luiza Silva, 24 anos, fez com que ela conquistasse o segundo lugar no concurso anual promovido pela Electrolux, cujo tema proposto foi ‚ÄúVida Urbana Inspirada‚ÄĚ.

Impressora 3D que faz comida ganha prêmio Design Lab
Impressora 3D que faz comida ganha prêmio Design Lab

O Atomium √© uma impressora 3D de alimentos, que tem como ingrediente a base molecular da comida. Luiza explica como funciona seu conceito. ‚ÄúA partir do pedido de sabor e formato desejado da comida, Atomium constr√≥i o alimento com dados nutricionais do usu√°rio, preparando uma refei√ß√£o balanceada‚ÄĚ.

O principal p√ļblico alvo s√£o as crian√ßas, ‚ÄúTentei unir caracter√≠sticas como a criatividade e o l√ļdico na alimenta√ß√£o saud√°vel, incluindo verduras e alimentos frescos nas refei√ß√Ķes, e consegui resultados e conclus√Ķes muito interessantes que fortaleceram o conceito e a ideia da proposta Atomium‚ÄĚ

O projeto teve base em uma vasta pesquisa sobre tecnologias existentes, sustentabilidade e comportamento das fam√≠lias. Durante um ano e meio, Luiza desenvolveu o trabalho, que foi apresentado para concluir a gradua√ß√£o na Universidade Tecnol√≥gica Federal do Paran√° e aproveitado no concurso da Electrolux. Ao longo deste per√≠odo, ela realizou testes e din√Ęmicas com 40 crian√ßas em duas escolas de Curitiba para entender os motivos da m√° alimenta√ß√£o e o que os motiva a comerem.

Mesmo parecendo imposs√≠vel, a realidade do trabalho da designer est√° mais pr√≥xima do que se possa imaginar. J√° existem impressoras 3D para uso dom√©stico e h√° pesquisas que mostram a possibilidade de ‚Äúconstruir‚ÄĚ alimentos. Mas ainda h√° um longo caminho a percorrer at√© um poss√≠vel lan√ßamento.

Para Julio Bertola, diretor de design da Electrolux no Brasil, a aplica√ß√£o de projetos vencedores como o de Luiza n√£o √© necessariamente imediata. Antes de chegar √†s prateleiras, os produtos passam por avalia√ß√Ķes sobre sua viabilidade, sobre a tecnologia existente para torna-lo vi√°vel e sobre se o consumidor est√° preparado para lidar com algo assim no cotidiano. Mesmo sem muita pressa, a ideia √© sempre aproveitada.

O prêmio foi entregue em outubro, em Estocolmo, na Suécia. A colocação obtida por Luiza nesta edição do Design Lab foi a melhor já alcançada por um brasileiro na história do concurso, que existe desde 2002.

Coment√°rios