João Branco é transferido para presídio Federal durante a madrugada

26

O narcotraficante Jo√£o Pinto Carioca, o ‚ÄúJo√£o Branco‚ÄĚ, foi transferido para o pres√≠dio federal de Catanduvas (PR) na madrugada desta ter√ßa-feira (1/03), as 2h da madrugada, em voou comercial da empresa TAM.

Imagem de Divulgação
Imagem de Divulgação

Jo√£o Branco, estava encarcerado na sede da Superintend√™ncia da Pol√≠cia Federal, no Dom Pedro, na Zona Centro-Oeste, desde a √ļltima sexta-feira, (26/02).

A Penitenci√°ria Federal de Catanduvas tem celas individuais, com cerca de 7 metros quadrados, uma cama, uma pia, um sanit√°rio, uma mesa com banquinho ‚Äď todos de concreto ‚Äď e um chuveiro.

O l√≠der da FDN ( fac√ß√£o Fam√≠lia do Norte), Jo√£o Branco, desembarcou em Manaus, escoltado por policiais federais, na √ļltima sexta-feira (26/02), ap√≥s ser capturado em Boa Vista (RR), no munic√≠pio de Pacaraima (RR), na fronteira entre a Venezuela e o Brasil. Na ocasi√£o, Branco tentava entrar no pa√≠s com documenta√ß√£o falsa, o que chamou a aten√ß√£o dos policiais federais. Al√©m dele, outros tr√™s comparsas, que faziam a ‚Äúescolta‚ÄĚ dele minutos antes,¬† foram presos. A inten√ß√£o de Jo√£o Branco era vir a Manaus

João Branco era um dos criminosos mais procurados do Amazonas, estando na lista da Interpol em 188 países,  e estava foragido há dois anos, após ter mandado matar o delegado da Polícia Civil, Oscar Cardoso. De acordo com  a polícia, João Branco é um dos traficantes mais violentos e que executa seus desafetos com requinte de crueldade.

Coment√°rios