Josué Neto destina mais de meio milhão de reais em emendas para municípios do interior do Amazonas

83

O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado estadual Josué Neto (PSD), destinou mais de meio milhão de reais em emendas parlamentares nas áreas de saúde, esporte, lazer e saneamento básico para dois municípios do interior do Amazonas. As emendas estão incluídas no Orçamento Estadual deste ano, aprovadas no parlamento.

Do valor de R$ 630 mil reais, R$ 280 mil reais será destinado para a área da saúde do município de Boa Vista do Ramos, distante 269 KM de Manaus. Os recursos devem ser aplicados apenas na compra de medicamentos, equipamentos e materiais hospitalares.

Todas as propostas apresentadas por Josué Neto estão dentro da cota de R$ 6,5 milhões que cada parlamentar teve direito de indicar ao Orçamento do Estado aprovado no Parlamento – Imagem: Divulgação

O município de Nova Olinda do Norte, distante 134 KM da capital amazonense, será contemplado com R$ 350 mil, para áreas de esporte, lazer e saneamento básico, resultantes de duas emendas: uma destinada para a aquisição de um caminhão compactador de lixo e outra para a construção de uma quadra poliesportiva na cidade.

Segundo o deputado, as emendas deverão contribuir com a melhoria da qualidade de vida dos moradores de Nova Olinda. “As emendas têm a finalidade de promover o desenvolvimento dos municípios e com certeza vão melhorar o dia a dia da população de Nova Olinda. Uma das nossas propostas contempla a área do esporte que sabemos ter um papel fundamental para o resgate da cidadania, principalmente dos jovens e crianças”, pontuou Neto.

Josué Neto / Divulgação
Josué Neto (PSD) / Divulgação

Todas as propostas apresentadas por Josué Neto estão dentro da cota de R$ 6,5 milhões que cada parlamentar teve direito de indicar ao Orçamento do Estado aprovado no Parlamento. O Orçamento do Estado deste ano está estimado em R$ 17,4 bilhões.

As emendas são parte de um total de R$ 5,2 milhões em emendas que o deputado Josué Neto destinou para cidades do interior visando contribuir na solução de diversos problemas nas áreas da saúde e educação. “O interior tem diversos problemas e nós como representantes do povo devemos viabilizar as mudanças necessárias. Nosso papel não é somente destinar esses recursos, mas cobrar para que sejam realmente colocados em prática, uma vez que quem ganha com a execução das emendas são os nossos irmãos do interior”, afirmou o presidente da Aleam.

Comentários