Home Notícias Brasil Jovem de 23 anos é vacinada antes do pai que é idoso; Entenda!

Jovem de 23 anos é vacinada antes do pai que é idoso; Entenda!

2 minutos lido
143

Uma família comemorou a vacinação de uma jovem, que mora nos Estados Unidos, enquanto o pai dela, que reside no Brasil, segue no aguardo, apesar de estar no grupo de risco para a covid-19. Ariela Momesso Espelho Prado, de 23 anos, foi imunizada contra a covid-19 antes do pai, de 62. Enquanto a dona de casa mora com o marido e duas filhas na cidade de Springville, nos Estados Unidos, o pai, Antônio Carlos, de 62, vive em Sorocaba, a 100 km de São Paulo.

Ariela conta que recebeu a primeira dose da vacina no dia 27 de março. A satisfação com o momento contrastou com a preocupação com os pais, especialmente Antônio Carlos, que é hipertenso e já sofreu dois AVCs (Acidente Vascular Cerebral). Apesar de fazer parte do grupo de risco do coronavírus, sua imunização ainda não está prevista no calendário de Sorocaba, que atualmente está vacinando pessoas com 68 anos.

“Sempre orei e tive muita fé que teríamos uma vacina e quando eu tive a oportunidade de ser vacinada, senti que foi um milagre”, contou a jovem, que assim como o marido Irineu, que também tem apenas 23 anos, recebeu a vacina da Pfizer.

“Fui vacinada no dia 27 de março e meu marido no dia seguinte. A vacinação está sendo rápida em nossa cidade, existe uma grande demanda e tivemos que ficar de olho para agendar a vacinação assim que liberou para a nossa faixa etária”, detalhou.

Ariela e o marido moram nos Estados Unidos desde 2017. Irineu trabalha e estuda no país. A jovem diz que não chegou a ser contaminada com o novo coronavírus, mas que o companheiro enfrentou a doença.

“Em setembro de 2020 meu marido testou positivo para a covid. Ele se manteve isolado no quarto, enquanto eu fiquei com as minhas filhas sozinha. Minha filha mais velha tinha um ano e meio e a mais nova tinha 1 mês”, conta.

Agora, a jovem destaca a expectativa para que o pai, no Brasil, também fique protegido contra a doença.

“Eu tenho uma grande preocupação, principalmente pelo meu pai porque ele está entre o grupo de risco, mas tenho esperança de que ele seja vacinado em breve”, completou.

Vacinação no Brasil e nos EUA

Até o último balanço da vacinação contra covid-19 no Brasil, que foi divulgado na noite de ontem, 20.828.398 pessoas já haviam recebido a primeira dose de vacina no país. O número representa 9,84% da população brasileira. A segunda dose foi aplicada em 5.881.392 pessoas, correspondendo a 2,78% da população. No total, 26.709.790 doses foram aplicadas em todo o país.

Já nos Estados Unidos, o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) informou que o país aplicou mais de 165 milhões de doses de vacina contra a covid-19 até o último domingo (4). Dentre o total de vacinados, a agência afirmou que 106,21 milhões deles receberam a primeira dose da vacina, enquanto 61,41 milhões tomaram a segunda dose e estão totalmente imunizados.

De acordo com o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, a previsão é que todos os adultos do país poderão receber ao menos uma dose da vacina contra a covid-19 até o dia 19 de abril.

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Roger Siqueira
Carregar Mais Em Brasil

Deixe uma resposta

Leia Também

Mulher corta o cabelo da própria filha na faca por ciúmes do marido; Veja o vídeo!

Viralizou nas redes sociais nesta terça-feira (13), a tortura que uma adolescente de 17 an…