Home Notícias Manaus Lava a jato construído por presos do Centro de Detenção Provisório é inaugurado em Manaus

Lava a jato construído por presos do Centro de Detenção Provisório é inaugurado em Manaus

3 min - tempo de leitura
17

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) inaugurou, nesta terça-feira (23/04), um lava a jato no Centro de Detenção Provisório de Manaus (CDPM 1), localizado no km 08 da BR-174. A estrutura foi construída por internos que participam do projeto de remição da pena pelo trabalho.

Lava a jato construído por presos do Centro de Detenção Provisório é inaugurado em Manaus – Imagem: Divulgação

Essa é a segunda unidade prisional a implantar o lava a jato, que será destinado à lavagem de viaturas da secretaria e de funcionários do sistema penitenciário. A iniciativa visa capacitar e preparar os internos para a ressocialização após a passagem pelo sistema carcerário.

Trinta internos do CDPM 1 participaram das atividades laborais, oferecidas pela Umanizzare Gestão Prisional. Todos foram acompanhados por profissionais das áreas de Serviço Social e Psicologia, que fazem uma análise do perfil psicológico, comportamental e social dos detentos para avaliar se estão aptos para o exercício do serviço.

Readaptação à sociedade – A inauguração contou com a presença do secretário da Seap, tenente-coronel Vinícius Almeida, da promotora do Ministério Público do Estado do Amazonas (MPE), Cristiane Corrêa, entre outros. “Saímos do zero e hoje temos quase 1.200 presos trabalhando dentro do sistema. Esse trabalho não pode parar”, avaliou o secretário.

A promotora destacou a importância do projeto no processo de readaptação do preso à sociedade. “O reflexo disso é visto no rosto desses internos que agarram com vontade qualquer oportunidade de recuperar a própria perspectiva de vida promissora’’, disse Cristiane.

Mudança de vida – Para o interno Denilson* (nome fictício), a participação no projeto lava a jato trouxe ensinamentos. “Quando entramos aqui, imaginamos que estamos no fundo do poço, e quando nos deparamos com um planejamento que nos mostra o contrário, os pensamentos de desilusão desaparecem. O projeto veio para iluminar e mostrar que podemos retornar para a sociedade diferente e pronto para trabalhar’’, contou.

Remição por trabalho – A remição por meio do trabalho está prevista na Lei de Execução Penal (LEP), de nº 7.210, garantindo um dia de pena a menos a cada três dias de trabalho.

Lava a jato construído por presos do Centro de Detenção Provisório é inaugurado em Manaus – Imagem: Divulgação
Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por Marcus Pessoa
Carregar Mais Em Manaus

Deixe uma resposta

Leia Também

Ao contrário do que noticiado na CNN, Governador Wilson irá receber também as 50.000 doses de SP

Wilson Lima vai a São Paulo receber vacinas contra Covid-19 e afirma que Estado está prepa…