Home Notícias Manaus Mais de 2 mil bueiros abertos já causaram a morte de duas crianças em 6 meses

Mais de 2 mil bueiros abertos já causaram a morte de duas crianças em 6 meses

1 minutos lido
52

De acordo com a Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), existem na capital amazonense, mais de dois mil bueiros abertos.

Duas crianças já morreram em bueiros no período de seis meses. Moradores da periferia acusam a Prefeitura de Manaus de descaso e afirmam que essas bocas-de-lobo se transformam em um risco quando chove, para qualquer pessoa independente de ser criança ou adulto, porque a estrutura fica encoberta pelas águas, visualizar onde está o bueiro.

Em 24/04, o menino André Pereira Crescenço, de 6 anos, desapareceu em um bueiro, sem proteção, localizado na esquina da Rua 9 com a Rua Penetração 4, no bairro Amazonino Mendes (Mutirão), enquanto brincava com o pai. A criança foi localizada dois dias depois no igarapé do Mindu, mais de 10 quilômetros à frente do ponto em que desapareceu.

O caso mais recente aconteceu no domingo dia 24/10, na Rua Louro Chumbo, no bairro Monte das Oliveiras, quando Gustavo Silva Araújo, de sete anos, desapareceu em um bueiro durante uma tempestade, o corpo do menino foi encontrado nesta quarta-feira (2610), no Condomínio Vila Suíça, Tarumã (Zona Oeste), 7km de distância do local da tragédia.

São tragédias anunciadas e uma mostra do descaso do poder publico municipal com a periferia de Manaus.

Mais de 2 mil bueiros abertos já causaram a morte de duas crianças em 6 meses
Mais de 2 mil bueiros abertos já causaram a morte de duas crianças em 6 meses
Mais de 2 mil bueiros abertos já causaram a morte de duas crianças em 6 meses
Mais de 2 mil bueiros abertos já causaram a morte de duas crianças em 6 meses

 

Carregar Mais Matérias Relacionadas
Carregar Mais Por No Amazonas é Assim
Carregar Mais Em Manaus

Deixe uma resposta

Leia Também

No Marco Zero da Capital, Prefeito David pede perdão histórico aos índios de Manaus!

Como forma de reconhecer os primeiros moradores de Manaus, o prefeito David Almeida inaugu…