Major que viralizou após controlar tumulto no Jacarezinho é eleita deputada federal pelo PSL

306

As rede sociais e o poder de influenciar nas decisões. A oficial da Polícia Militar, atual Major Fabiana ficou ficou conhecida em 2014, depois de ter controlado um tumulto próximo à Favela do Jacarezinho, onde um ônibus havia sido incendiad, foi eleita deputada federal pelo PSL com 57.611 votos.

A candidata do PSL Major Fabiana irá integrar o quadro de deputados federais do Rio de Janeiro, em Brasília. Com o slogan, “a mulher na segurança”, a, agora eleita, conquistou 0,75% do eleitorado fluminense — foi a 21º mais bem votada.

Major com armas em punho, à época da ação Foto: Bruno Gonzalez
Major com armas em punho, à época da ação Foto: Bruno Gonzalez

Na ocasião, ela estava a caminho do trabalho no Batalhão da Maré. Depois de passar por um trecho da via onde havia um ônibus em chamas. Ela saltou de um carro para conter um grupo que saía daquela comunidade, com uma arma em punho. Ela se identificou como policial e impediu, sozinha, que os jovens seguissem caminho.

A major vestia camiseta branca e sapatos vermelhos de salto alto. O calçado, porém, não foi empecilho para que a oficial corresse atrás do grupo que achava suspeito e controlasse a situação: ainda empunhando a arma, parou para conversar e determinar onde todos deveriam ficar posicionados até que averiguasse o que ocorrera por lá.

Major com armas em punho, à época da ação Foto: Bruno Gonzalez
Major com armas em punho, à época da ação Foto: Bruno Gonzalez

As imagens viralizaram nas redes sociais e, à época, Fabaiana recebeu diversis elogios nas redes. Ela não teria efetuado disparos naquela ocasião. Pouco tempo depois, outros policiais militares chegaram ao local.


Fonte: extra.globo.com

Comentários