ManausCult revoga contrato com empresa investigada por irregularidades na Lei Rounet

4

Responsável por viabilizar boa parte dos eventos culturais do país, a Lei Rouanet virou alvo de uma série de suspeitas do Tribunal de Contas da União (TCU). A aplicação da legislação sofre 13 questionamentos do órgão.

Uma auditoria feita pelo TCU apontou como falha mais grave o fato de o Minis­tério da Cultura não ter controle sobre a realização de 8 mil projetos culturais financiados por meio da concessão de renúncias fiscais previstas na lei.
No total, os projetos receberam incentivos que totalizam R$ 3,8 bilhões – montante quase 70% maior que todo o orçamento da pasta em 2010, que foi de R$ 2,2 bilhões.

Na lista dos maiores beneficiários da Lei Rouanet em 2015, está a empresa paulista Magnetoscópio Produções ltda, especializada no desenvolvimento de projeto museografico, que teve contrato de R$4.500.000,00, revogado com a ManausCult, de acordo com o Diário Oficial do dia 27/04/2016.

ManausCult revoga contrato com empresa investigada por irregularidades na Lei Rounet
ManausCult revoga contrato com empresa investigada por irregularidades na Lei Rounet

 

Curte nosso conteúdo?!

Receba as notícias diretamente no seu e-mail:

COMPARTILHAR

Comentários