Manifestantes pró e contra Lula entraram em confronto

1

Na manhã desta sexta-feira (04/02), grupos de manifestantes Contra e A favor do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva entraram em confronto em frente ao prédio onde moram o ex-presidente e sua mulher Marisa Letícia, em São Bernardo do Campo.
A movimentação é intensa e pelo menos, 200 manifestantes cercam a área. Durante 3 vezes, a Polícia Militar teve que conter os grupos que entraram em confrontos com socos e chutes. Os policiais chegaram a usar gás de pimenta. Os xingamentos de ambos os lados são constantes. Carros passam perto do local fazendo buzinaço.

Os dois grupos chegaram à Avenida Prestes Maia logo que foi divulgada a 24ª fase da Operação Lava-Jato, realizada desde o fim da madrugada desta sexta-feira. A Polícia Federal chegou ao prédio por volta das 6 da manhã em carros descaracterizados, que entraram pela garagem do edifício. Além de busca e apreensão na residência do petista, a PF levou Lula coercitivamente para prestar depoimento no Aeroporto de Congonhas.

A Polícia Militar e a Guarda Civil foram acionadas para conter a confusão entre os grupos e tentaram fazer uma barreira precárias com fitas e cordas. Por conta da movimentação, carros da PF e da Receita Federal que tentavam cumprir busca e apreensão no apartamento do petista tiveram dificuldade de passar.

Loading...

O grupo ligado ao ex-presidente a todo momento entoa gritos de ordem como “Lula é o melhor presidente do Brasil”. Do outro lado, os contrários gritam “Cadeia”.

A confusão esta acontecendo na frente da casa de Lula
A confusão esta acontecendo na frente da casa de Lula

Comentários

comentários

Curta nossa página do Facebook