Página Inicial Notícias Polícia Motorista de app leva “corretivo” de facção criminosa e acaba morrendo

Motorista de app leva “corretivo” de facção criminosa e acaba morrendo

2 minutos de leitura
963

A motorista de aplicativo Natana da Silva, de 30 anos, morreu após levar um ‘salve’ na noite da última quinta-feira (23), no bairro Pedregal, em Cuiabá. Ela chegou de ser levada ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

Natana foi espancada por uma facção criminosa em Cuiabá após ter ido visitar a mãe no bairro.

Segundo o programa Cadeia Neles (TV Vila Real), a mulher era acusada de ter praticado diversos furtos e roubos na região. Em um dos crimes, uma câmera de segurança flagrou o momento em que a vítima entra em uma farmácia e anuncia o assalto.
Segundo a Polícia Civil, a vítima saiu de carro para ir na casa de sua mãe, quando foi abordada pelos criminosos. Ela foi levada para um terreno abandonado, próximo a um lava jato, onde recebeu o ‘salve’, pela facção criminosa Comando Vermelho (CV).

O veículo de Natana foi encontrado abandonado no matagal. Ela chegou a ser socorrida e levada para um hospital particular, no bairro Bosque da Saúde. Passou por procedimentos de reanimação, mas não sobreviveu.

Uma equipe da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) foi até a unidade liberar o corpo da vítima.

A DHPP solicitou as imagens da câmera de segurança do lava jato, as quais podem levar até os criminosos. O caso está em investigação.

 Natana da Silva
Natana da Silva

Comentários

Carregue Mais Artigos Similares
Carregue Mais Por Marcus Pessoa
Carregue Mais Em Polícia

Deixe uma resposta