Neymar chega ao PSG, e diz: “Não fui movido a dinheiro”

72

Nesta sexta-feira (4/8) o protagonista principal da transação mais cara da história do futebol, o craque Neymar falou pela primeira vez como jogador do Paris Saint-Germain. Durante uma coletiva no estádio Parc des Princes, na capital da França, o atacante classificou a decisão de deixar o Barcelona após quatro anos como a “mais difícil da vida” e rebateu as críticas de que teria trocado de clube por causa de dinheiro.

Neymar é apresentado pelo cartola do PSG, Nasser Al-Khelaifi
Neymar é apresentado pelo cartola do PSG, Nasser Al-Khelaifi- Imagem: Divulgação

O jogador acrescentou que a presença de compatriotas na equipe parisiense: Daniel Alves, Thiago Motta, Lucas, Marquinhos e Thiago Silva, foi fundamental para que ele resolvesse deixar o clube espanhol e avisou que está pronto para estrear pelo novo time já neste sábado (5), contra o Amiens, na abertura do Campeonato Francês.

Loading...

Foi tensa a saída de Neymar do Barcelona, clube que defendeu desde 2013 e pelo qual levantou 10 taças. A torcida do time espanhol classificaram a transferência para o PSG como uma traição. Os barcelonistas chegaram a queimar camisas do craque brasileiro nas ruas. Neymar minimizou a reação dos torcedores.

“Não fiz nada de errado. Fico triste se alguém está pensando desta forma. Não faltei com respeito com ninguém, não somos robôs para ficarmos obrigados. Estava no meu direito, sou muito agradecido por todos os barcelonistas. Fico triste de todos que pensam dessa forma”, lamentou o craque.

O presidente do PSG, Nasser Al-Khelaïfi defendeu o brasileiro, o cartola afirmou que Neymar agiu como “um cavalheiro” na saída do Barça e sempre tentou evitar desgastes com o antigo clube. Nasser qualificou o jogador como “o melhor do mundo”.

“O que tenho para dizer para essas pessoas, é que não sabem nada da minha vida. Dinheiro nunca foi a primeira coisa que pensei. Eu sempre penso em primeiro lugar na felicidade da minha família”, justificou Neymar, antes de reforçar que trocou o Barça pelo PSG por causa de novos desafios.

Após a coletiva, Neymar foi ao campo do Parc des Princes, onde tirou selfies com amigos. No lado externo do estádio, ele saudou milhares de torcedores do PSG que o aguardavam.

O PSG oficializou a contratação de Neymar por 222 milhões de euros (R$ 812 milhões). Segundo comunicado do clube francês, o craque assinou um vínculo de cinco anos. O PSG teria prometido dobrar o salário atual do astro, o que lhe renderia 30 milhões de euros anuais (cerca de R$ 110 milhões).

Neymar se tornou, assim, a maior negociação da história do futebol, superando os 105 milhões de euros (R$ 388 milhões, na cotação atual) pagos pelo Manchester United no ano passado para a Juventus pelo francês Paul Pogba. Porém, tanto o presidente do Barcelona, Josep Bartomeu, como o da Liga Espanhola adiantaram que estudam acionar a Uefa por considerarem que a transação viola as regras de fair-play financeiro da entidade.

Neymar chegou ao Barcelona antes do início da temporada 2013/2014, aos 21 anos, adquirido junto ao Santos. A transação causou problemas na Justiça para o clube espanhol, em função da suposta ocultação de parte do valor pago na negociação. Isso, inclusive, provocou a queda do então presidente, Sandro Rosell. O Barça havia informado que desembolsou 57 milhões de euros (R$ 211 milhões) pelo craque. Porém, o valor total foi de 83,3 milhões de euros (R$ 308,1 milhões).

Desde então, o brasileiro disputou 186 jogos, marcou 105 gols e deu 59 assistências. No total, conquistou dez títulos: uma Liga dos Campeões, dois Campeonatos Espanhóis, três Copas do Rei, um Mundial de Clubes, uma Supercopa da Europa e duas Supercopas da Espanha.

Uma das suas atuações memoráveis foi exatamente diante do PSG, na ultima edição da Liga dos Campeões, quando marcou dois gols e deu duas assistências na vitória por 6 x 1, pelo jogo de volta das oitavas de final. O resultado classificou o time espanhol.

Comentários

comentários