Nova Juíza designada à cidade de Pauini começa a atuar presencialmente em breve

209

Após passar por 600 horas-aula de formação inicial na capital, novos magistrados nomeados pelo TJAM assumem unidades judiciárias onde irão exercer suas funções.

Os 47 novos juízes substitutos de carreira do Tribunal de Justiça do Amazonas começaram a se deslocar, nesta semana, para as Comarcas do interior do Estado em que atuarão a partir de agora. Na última sexta-feira (18), os novos magistrados da Corte Estadual concluíram o Curso de Formação Inicial ministrado pela Escola Superior de Magistratura do Amazonas (Esmam), fase obrigatória do processo de admissão, iniciada em janeiro e realizada integralmente na capital. Mesmo nesse período do curso, os juízes atuaram, de forma virtual, nos processos do interior.

“Agora, de forma efetiva e presencial, os novos juízes passam a trabalhar nas Comarcas, o que é muito importante para a melhor prestação do serviço jurisdicional. Estamos muito satisfeitos de poder cumprir mais este compromisso da nossa gestão e prover, de forma inédita na história da Justiça Estadual, todas as unidades do interior de um juiz titular”, afirmou o presidente do TJAM, desembargador Flávio Pascarelli.

O presidente destaca que Comarcas como as de Juruá e Japurá, por exemplo, estavam há mais de cinco anos sem juiz titular, sendo atendidas por magistrados que se revezavam para responder cumulativamente pelas unidades judiciais. Amaturá é outro caso simbólico. Pela primeira vez, desde sua instalação, a Comarca está recebendo a designação de um juiz titular.

A Portaria 997, de designação dos novos magistrados para as respectivas unidades do interior, foi publicada no Diário da Justiça Eletrônico da última sexta-feira (18). Os magistrados receberam prazo de cinco dias para se apresentar às Comarcas.

A juíza Nayara Antunes, designada para a 3ª Vara da Comarca de Itacoatiara (a 170 quilômetros de Manaus), conduziu na tarde da última terça-feira (22) uma cerimônia de casamento coletivo – durante a qual 40 casais oficializaram a união –, além do casamento de dois detentos. Logo após a cerimônia, por telefone, ela falou ao Portal do TJAM. “Após o curso de formação e já tendo atuado nos processos por meio do Projudi – o sistema eletrônico de tramitação processual do interior –, iniciamos agora, eu e meus colegas recém-nomeados, o contato direto com o jurisdicionado e com as situações peculiares de cada Comarca, passando a empreender os esforços para assegurar o andamento dos processos e o cumprimento das metas. Estou, nesse primeiro momento, dando uma atenção maior aos processos de pessoas que se encontram presas e aos processos com prioridade legal. Estes primeiros dias estão sendo de muito trabalho, mas também de muita satisfação”, afirmou a magistrada.

A juíza Bárbara Nogueira, que assumiu a 2ª Vara da Comarca de Téfe (município que fica a 525 quilômetros da capital), também comentou sobre a nova etapa de trabalho: “A chegada ao interior do Estado nos faz perceber as dificuldades e os desafios da carreira. No entanto, quando se tem a oportunidade de fazer a diferença na vida das pessoas e se pode perceber, de imediato, as consequências das decisões judiciais naquela comunidade, a vontade de fazer um bom trabalho se sobressai”, afirmou a magistrada.

Designado para a Comarca de Anori (a 195 quilômetros de Manaus), o juiz Diego Martinez Fervenza Cantoário elogiou o trabalho da juíza que o antecedeu na unidade judiciária e falou sobre seus planos de atuação. “Depois de um rico período de aprendizados teórico e prático no curso de formação realizado pela Esmam, foi com grande satisfação que iniciei minhas atividades em Anori. A Comarca vem de um excelente trabalho desenvolvido pela Drª. Bárbara Folhadella. Minha expectativa é poder prestar Justiça às pessoas que vivem na Comarca, atuando com celeridade e fortalecendo a presença do Poder Judiciário junto à comunidade, inclusive com a realização de palestras junto aos estudantes da rede pública”, afirmou Cantoário.

Itamarati (980 quilômetros distante da capital) também já recebeu o juiz que responderá pela Vara Única da Comarca. Leonardo Mattedi Matarangas, falou ao Portal TJAM, por mensagem de aplicativo, sobre o início de suas atividades no município. “O TJAM cumpriu a sua missão constitucional de levar justiça para todos os rincões do Estado do Amazonas. Fico muito feliz de ser membro de um Poder que abriu todas as suas portas para o cidadão, porque hoje proporciona acesso à justiça com igualdade de condições para o jurisdicionado de todos os municípios. Pretendo ser um agente de transformação social da realidade local, atuando de maneira ética, humana e eficiente”, afirmou o magistrado.

Confira a lista de designações dos novos magistrados:

Juíza Aline Kelly Ribeiro – Comarca do Rio Preto da Eva
Juiz Diego Martinez Fervenza Cantoário – Comarca de Anori
Juíza Maria da Graça Giulietta Cardoso de Carvalho Amim – 1º Juizado Especial Cível e Criminal da Comarca de Humaitá
Juiz Geildson de Souza Lima – Comarca de Caapiranga
Juíza Nayara de Lima Moreira Antunes – 3ª Vara da Comarca de Itacoatiara
Juiz Marcelo Cruz de Oliveira – Comarca de Nhamundá
Juíza Larissa Padilha Roriz Penna – 1º Juizado Especial Cível e Criminal da Comarca de Parintins
Juíza Virgínia Morosin Rodrigues – 2ª Vara da Comarca de Tabatinga
Juiz Alex Jesus de Souza – Comarca de São Gabriel da Cachoeira
Juiz Luiz Fernando Pereira de Oliveira – Comarca de Atalaia do Norte
Juiz Marco Aurélio Plazzi Palis – 2ª Vara da Comarca de Manicoré
Juiz Leonardo Mattedi Matarangas – Comarca de Itamarati
Juíza Jacinta Silva dos Santos – Comarca de Benjamin Constant
Juiz Anderson Luiz Franco de Oliveira – 3ª Vara da Comarca de Parintins
Juíza Joseilda Pereira Bilio – 2ª Vara da Comarca de Maués
Juiz Saulo Góes Pinto – 2ª Vara da Comarca de Parintins
Juiz Charles José Fernandes da Cruz – Comarca de São Sebastião do Uatumã
Juíza Juline Rossendy Rosa – Comarca de Anamã
Juíza Luiziana Teles Feitosa – Comarca de Barreirinha
Juíza Lina Marie Cabral – 2ª Vara da Comarca de Itacoatiara
Juiz João Gabriel Cirelli Medeiros – 1ª Vara da Comarca de Itacoatiara
Juíza Bárbara Marinho Nogueira – 2ª Vara da Comarca de Tefé
Juiz Rômulo Garcia Barros da Silva – 1ª Vara da Comarca de Tefé
Juiz Laossy Amorim Marquezini – Comarca de Ipixuna
Juíza Mychelle Martins Auatt Freitas – 1ª Vara da Comarca de Manicoré
Juíza Juliana Arrais Mousinho – Comarca de Nova Olinda do Norte
Juiz Paulo José Benevides dos Santos – Comarca de Novo Aripuanã
Juiz Eduardo Alves Walker – 1ª Juizado Especial Cível e Criminal de Manacapuru
Juiz Hercílio Tenório de Barros Filho – Comarca de Amaturá
Juíza Tamiris Gualberto Figueiredo – Comarca de Japurá
Juiz Felipe Nogueira Cadengue de Lucena – Comarca de Borba
Juiz Igor Caminha Jorge – Comarca de Manaquiri
Juiz Rosberg de Souza Crozara – Comarca de Eirunepé
Juiz Pedro Esio Correia de Oliveira – Comarca de Santa Isabel do Rio Negro
Juíza Renata Tavares Afonso Fonseca – Comarca de Juruá
Juiz Lucas Couto Bezerra – Comarca de Urucurituba
Juiz Edson Rosas Neto – 1ª Vara da Comarca de Manacapuru
Juiz Samuel Pereira Porfírio – 1ª Vara da Comarca de Tabatinga
Juiz Yuri Caminha Jorge – Comarca de Fonte Boa
Juiz Daniel do Nascimento Manussakis – Comarca de Jutaí
Juiz André Luiz Muquy – 2ª Vara da Comarca de Coari
Juiz Gonçalo Brandão de Sousa – Comarca de Lábrea
Juíza Rafaelly da Silva Lampert – Comarca de Boca do Acre
Juíza Naia Moreira Yamamura – Comarca de Canutama
Juíza Priscila Maia Barreto – Comarca de São Paulo de Olivença
Juiz Manoel Átila Araripe Autran Nunes – Comarca de Tapauá
Juíza Rebecca Ailen Nogueira Vieira Aufiero – Comarca de Pauini

Fonte : Assessoria do TJ-AM