Nova legislatura e Wilker Barreto continua presidente da Câmara Municipal de Manaus

59

Manaus – Os vereadores eleitos e reeleitos decidiram com 38 votos favoráveis a permanência de Wilker Barreto (PHS) na presidência da Câmara Municipal de Manaus (CMM) para o biênio – 2017/2018.

A votação aconteceu ainda na noite deste domingo (1º de janeiro) e teve quase três horas de votação, no plenário Adriano Jorge da Casa Legislativa, após a posse dos 41 vereadores eleitos na última eleição municipal, realizada no Teatro Amazonas.

A eleição à presidência da CMM foi conduzida pelo vereador com mais idade, o professor Gedeão Amorim (PMDB). A vereadora Therezinha Ruiz (DEM) foi quem secretariou os trabalhos. Todos os vereadores compareceram à votação ao novo presidente que teve além de Wilker, os vereadores Marco Antônio Chico Preto (PMN), que obteve dois votos e Joana D’Arc (PR), com apenas o seu próprio voto.

Loading...

Durante a votação, Barreto teve cinco minutos para discursar e destacou os principais temas tratados em sua gestão, como a questão das discussões do transporte alternativo e executivo, a reforma da Lei Orgânica do Município (Loman), Plano Diretor, entre outros.

“Esta mesma Câmara teve a capacidade de baixar as diárias de vereadores e servidores e, em dois anos, debaixo da pior crise econômica da história da República, tivemos uma Câmara de avanços que construiu estacionamento para os servidores, devolvemos a Mini Vila Olímpica e está 100% digitalizada, foi a mesma que votou 8% de reajuste para os servidores, e é a mesma Mesa Diretora que todos os Poderes do Amazonas sentaram discutindo temas importantes para a cidade de Manaus”, declarou Wilker Barreto.

“Esta Casa está sendo entregue com o seu próprio Habite-se. É a Câmara que tem recomendação ISO 9001 e ISO 14001, e que tem sua própria Brigada de Incêndio, por isso, coloco a minha candidatura para que possamos dar continuidade ao trabalho”, completou Barreto.

Na oportunidade, o candidato Chico Preto defendeu a independência de sua gestão, compromisso e transparência para o crescimento do parlamento. “É hora de fazer política olhando para o povo todos os dias”, ressaltou Chico Preto, que prometeu resgatar os salários dos servidores da CMM em cumprimento ao Plano de Cargos, Carreira e Salários (PCCS). “É preciso independência para que o Regimento Interno seja cumprido e da mesma forma a Lei Orgânica do Município (Lomam) e a Constituição sejam atendidos”, continuou o parlamentar.

Por sua vez, Joana D’arc agradeceu a oportunidade, em especial, aos militantes de defesa dos animais, acreditando que uma causa pode ter representatividade e força política. “Hoje a Câmara dá um passo inicial a uma trajetória a partir dos nossos comprometimentos com a população”, destacou a vereadora.

Composição da Mesa Diretora

Na mesma sessão, também foram escolhidos os demais membros para compor a Mesa Diretora da Casa, junto ao presidente Wilker Barreto. Foram eles:

Os vereadores Felipe Souza (PTN), como 1º vice-presidente; 2º vive-presidente, Reizo Castelo Branco (PTB); Fred Mota (PR) como 3º vice-presidente;

Gloria Carrate (PRP) continua como secretária-geral;

Missionário André (PTC) como 1º secretário; Dr. Isaac Tayah (PSDC) como 2º secretário; Carlos Portta (PSB) como 3º secretário;

Everton Assis (DEM) como ouvidor e Diego Afonso (PDT) no cargo de corregedor da CMM.

Correram da votação da eleição dos membros da Mesa Diretora os vereadores Chico Preto, Joana D’Arc e William Abreu (PMN).

 

Vereador Wilker Barreto (PHS) / Foto: Tiago Corrêa - Dircom CMM
Vereador Wilker Barreto (PHS) / Foto: Tiago Corrêa – Dircom CMM

Comentários

comentários

Curta nossa página do Facebook