Oficina gratuita de criação de instrumentos musicais será realizada este sábado, no Centro Cultural Usina Chaminé

110

O Centro Cultural Usina Chaminé receberá neste próximo sábado (15), às 14h, uma oficina de criação de instrumentos musicais para crianças com entrada gratuita.

A atividade “Brincando na Usina Chaminé” vem com a proposta de conscientizar as crianças para a importância de cuidar do planeta, auxiliando na reutilização de materiais que seriam destinados ao lixo.

O evento, voltado para crianças, acontece nesse sábado às 14h, e tem o objetivo de voltar a atenção para a prática da reciclagem. / Foto: Michael Dantas/SEC
O evento, voltado para crianças, acontece nesse sábado às 14h, e tem o objetivo de voltar a atenção para a prática da reciclagem. / Foto: Michael Dantas/SEC

Segundo Edna Rezende, gerente da Usina Chaminé, a ideia surgiu a partir de uma ação solidária em 2015. “Criei esse projeto quando resolvi fazer brinquedos reciclados para distribuir para crianças na programação de Natal. Em seguida, nasceu o projeto ‘Oficina de Reciclagem com as Escolas’, em que os alunos visitavam o Espaço Criança, aqui na Usina Chaminé. A ação deu certo e seguimos aperfeiçoando o projeto”, explica.

A atividade, que terá duração de uma hora e trinta minutos, é voltada para crianças de 6 a 12 anos, porém os pais ou responsáveis podem participar, interagindo juntos. Serão utilizadas latas de leite, balão e palito de churrasco para a criação dos instrumentos musicais, que poderão ser levados para casa. “Assim, eles podem mostrar aos amigos e, quem sabe, reproduzi-los juntos”, acrescenta Edna.

A iniciativa realizada no centro cultural pretende deixar um legado para a cidade. “O intuito é que a prática de reciclagem continue e que seja desenvolvida e incentivada em bairros, comunidades e municípios”, destaca a gerente.

“Brincando na Usina Chaminé” é um evento gratuito, de classificação livre. Para participar da atividade, interessados devem comparecer ao local e horários informados, acompanhados dos pais e responsáveis.

Fonte: Secretaria de Estado de Cultura (SEC).

Comentários

Receba nossas atualizações em seu e-mail: