‘Operação Castanha’ investiga desvio de verbas na Prefeitura de Beruri

11

Nesta sexta-feira (18/12), o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Publico do Estado do Amazonas, deflagrou a ‘Operação Castanha‘, que apura suspeitas de desvio de verbas públicas na Prefeitura de Beruri, município distante 173 km de Manaus.

A ação ocorreu em Manaus em escritórios de contabilidade ligados à Prefeitura do município. Dois mandados de busca e apreensão foram cumpridos em escritórios de contabilidade ligados à prefeitura do município. O MPE-AM informou, por meio de assessoria, que um balanço da operação deve ser divulgado ainda na tarde desta sexta.

Loading...

Na quinta-feira (14/12), vereadores da Câmara Municipal de Beruri aprovaram o afastamento do prefeito Odemilson Magalhães (PSD) do cargo por 180 dias. Porém a Justiça já havia determinado o afastamento de Magalhães do cargo de prefeito pelo prazo de 180 dias a contar da data da intimação, ocorrida no dia 28/10, mas ele conseguiu liminar no fim da tarde de sexta-feira (11) para retornar ao cargo nesta segunda.

O afastamento do Prefeito de Beruri ocorre após ação civil pública proposta pelo Ministério Público do Amazonas, por suspeita de improbidade administrativa.

Foto: Adauto Silva
Foto: Adauto Silva

Comentários

comentários

Curta nossa página do Facebook